Estrelado por Rachel Weisz e Rachel McAdams, Desobediência põe tabus morais em xeque

Por Metro Jornal

Após conquistar o Oscar de melhor filme estrangeiro com “Uma Mulher Fantástica”, com uma história em torno dos dramas de uma transexual, o diretor chileno Sebastián Lelio faz sua estreia no cinema americano abordando outro tema delicado.

Em “Desobediência”, que estreou nesta última quinta-feira (21), ele narra o retorno de Ronit (Rachel Weisz) à tradicional comunidade judaica de sua família para participar do funeral de seu pai.

Leia mais:
Hereditário evoca clima de velório em trama que abusa do sobrenatural; veja trailer
Jeff Goldblum fala da estreia e da nostalgia no filme Jurassic World: Reino Ameaçado

Ela havia sido banida por causa da atração que sentia na adolescência pela amiga Esti (Rachel McAdams), agora casada com seu primo.

O retorno reaviva sentimentos e leva as duas a questionarem os padrões morais que as afastaram.

Veja o trailer do filme:

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo