George e Amal Clooney doam US$ 100 mil para ajudar imigrantes que tiveram famílias separadas

Por Metro Jornal

O casal George e Amal Clooney, sempre ligado às questões dos direitos humanos, já se prontificaram a ajudar as famílias separadas pelas políticas de imigração do governo Donald Trump. Desde o início da semana, bebês e crianças estão sendo abrigadas em espaços na fronteira dos Estados Unidos com o México após serem forçadas a se separar dos pais, ilegais no país.

O ator e a advogada, pais dos gêmes Ella e Alexander, anunciaram doação de US$ 100 mil (cerca de R$ 370 mil) para o Young Center for Immigrant Children's Rights, órgão responsável por garantir os direitos das crianças imigrantes.

"Em algum ponto no futuro nossos filhos vão nos perguntar: 'é verdade que nosso país realmente tirou bebês dos pais e os colocou em centros de detenção?' E quando respondermos que sim, eles vão nos perguntar o que fizemos a respeito disso. O que dissemos. Onde nos posicionamos. Não podemos mudar as políticas deste governo mas podemos defender as vítimas delas", diz o comunicado enviado para a revista People.

Recentemente, a Clooney Foundation também doou recursos para os refugiados sírios e para a campanha anti armas organizada por estudantes que sobreviveram ao massacre em uma escola na Flórida, em fevereiro.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo