Seleção estreia na Copa no domingo e o Brasil pergunta: o pé-frio Mick Jagger vai assistir ao jogo?

Por Metro Jornal

Em 2014, o stone Mick Jagger acompanhou a Copa do Mundo aqui no Brasil e saiu com uma péssima fama consolidade: a de pé frio. Ele estava presente no 7 a 1 que a Seleção levou da Alemanha no Mineirão e confirmou o apoio à camisa canarinho com o filho brasileiro Lucas a seu lado.

Porém, a reputação já vinha desde antes da Copa anterior, na África do Sul, quando, incrivelmente, todos os clubes aos quais ele declarava a sua torcida acabavam perdendo.

Por isso os brasileiros passaram a confeccionar bonecos de papelão do vocalista dos Rolling Stones devidamente vestido com a camisa dos times adversários.

A lista da 'maldição' de Jagger, como ficou conhecida, é extensa:

  1. Estados Unidos perdeu de 2 a 1 para durante as oitavas de final para Copa da África do Sul
  2. Inglaterra perdeu de 4 a 1 para a Alemanha também nas oitavas daquela mesma Copa
  3. Brasil já sentia o poder do pé-frio nas quartas de final na África: perdeu de 2 a 1 para a Holanda e deu tchau, tchau para o sonho do Hexa.
  4. Esquecendo-se do mal estar da Guerra das Malvinas, o cantor inglês foi Argentina na cabeça. Os hermanos tomaram uma goleada de 4 a 0 da Alemanha
  5. Em show em Portugal, previu a final da Copa do Brasil: "Portugal vai ganhar a Copa na final contra a Inglaterra!". Cristiano Ronaldo machucou o joelho e por pouco não fica de fora. Mesmo assim, os lusitanos foram eliminados ainda no início, após levar um sacode da Alemanha de 4 a 0 (só deu eles, desde o início), empatar com os Estados Unidos e perder para Gana.
  6. A terra de Jagger também sofreu com a falta de sorte, explícita nos vários tuítes de encorajamento do stone. A Inglaterra perdeu para a Itália e para o Uruguai.
  7. Jagger resolveu então demonstrar seu carinho pela Itália, que perdeu para a Costa Rica, numa zebra descomunal.
  8. Na final, entre Argentina e Alemanha, não ficou claro para quem ia sua torcida. Mas suspeita-se que era para os hermanos de novo, que viram a Alemanha ganhar a Copa com um desempenho perfeito.

 

Mick Jagger pé-frio Getty Images

Mas afinal, Jagger vai à Copa na Rússia?

Meses antes do início da Copa, veículos como o Daily Mirror afirmaram que Jagger exigiu que os shows da mais recente turnê não coincidissem com datas dos jogos da Inglaterra. E já falou que, se seu time falhar, vai torcer para o Brasil novamente. Afinal, ele tem um filho aqui. Ai!

Não ficou claro, no entanto, se Jagger pretende ir à Rússia. Ele também não fez nenhum comentário sobre o Mundial em suas redes sociais. Até o momento.

Os Rolling Stones têm shows nesta sexta-feira (15) no País de Gales e na segunda (19), em Londres. Também têm duas datas na Alemanha, uma na França, uma na República Tcheca e outra na Polônia antes de encerrar essa fase da "No Filter" no dia 8 de julho. Ou seja: a uma semana da final.

 

 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo