Nova versão do Miss América abole desfile de biquíni e tem candidatas plus size

Por Ansa

O concurso de beleza dos Estados Unidos Miss América, que acontece desde 1921, eliminará o desfile em roupas de banho.

O anúncio foi feito pela presidente da competição, Gretchen Carlson, que, além de ex-Miss América, é a primeira mulher, em quase 100 anos de história, a comandar a edição norte-americana do concurso.

Ela assumiu o cargo após o antigo diretor Sam Haskell ser acusado de assédio sexual, no começo deste ano.

Carlson também apontou que serão aceitas mulheres "de todas as formas e tamanhos", rompendo com o padrão físico do desfile. "Não vamos julgar nossas candidatas pela aparência física. Isso é grandioso", afirmou, durante o programa "Good Morning America".

Além disso, durante a prova de vestidos de gala, cada mulher poderá escolher o que usar. Segundo ela, muitas candidatas não se sentiam confortáveis em biquínis e saltos altos no palco.

As novas diretrizes serão aplicadas ainda neste ano, na próxima edição do Miss América.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo