Inspirado pelo filme, musical A Pequena Sereia estreia em São Paulo nesta sexta

Por Metro Jornal

A diretora americana Lynne Kurdziel-Formato buscou referências brasileiras para reconstruir o fundo do mar do espetáculo “A Pequena Sereia”, que estreia sua versão musical nesta sexta-feira (30).

Inspirada pelo longa homônimo que fez os estúdios Disney voltarem a investir em animação, em 1989, a produção coloca no palco as canções adoradas por várias gerações – agora em novas versões de Mariana Elisabetsky e Victor Mühlethaler.

Leia mais:
Dawson’s Creek: elenco se reúne 15 anos após o fim da série; veja as fotos
Grey’s Anatomy: Matthew retorna agora na 14ª temporada e deve reencontrar April

Está ali a história da sereia Ariel (Fabi Bang), que faz um pacto com a bruxa Úrsula (Andrezza Massei) e abre mão da própria voz para se tornar humana e viver um amor com Eric (Rodrigo Negrini). Quem a vigia nessa jornada é o caranguejo Sebastião (Tiago Abravanel), que ganhou sotaque nordestino.

“Estou amando fazer esse personagem, que é duro por fora, mas mole por dentro. Ele é um maestro, mas tem sua sensibilidade e momentos divertidos. Estou amando fazer”, diz o ator, que aprovou as adaptações.

“Tentamos rechear o espetáculo com referências bem brasileiras tanto na voz quanto na linguagem corporal e trazer um pouco do Carnaval e do samba. O português é um idioma verdadeiramente musical”, diz Lynne, também diretora da versão dinamarquesa da produção.

Vânia Pajares é a responsável pela direção musical e Fabio Namatame assina os 250 figurinos. Já Feliciano San Roman criou a maquiagem e as 85 perucas usadas em cena – parte delas feitas com lurex para garantir o efeito molhado de debaixo do mar.

Serviço:
No Teatro Santander (av. Juscelino Kubitscheck, 2.041, Itaim Bibi, tel.: 4003-1022). Estreia nesta sexta-feira (30). Qui. e sex., às 21h; sáb., às 16h e 20h; dom., às 16h e 19h. De R$ 75 a R$ 280. Até 29/7.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo