Veja o que artistas famosos disseram sobre a morte do produtor musical Carlos Miranda

Por AE

Nome importante na cena musical brasileira, Carlos Eduardo Miranda, ou simplesmente Miranda, morreu aos 56 anos, nesta quinta-feira, 22, vítima de mal súbito. Miranda nasceu em Porto Alegre e ganhou destaque na década de 1980, quando trabalhou com bandas importantes do cenário do rock nacional como Skank, Raimundos e O Rappa.

A morte repercutiu no meio musical. O Skank foi um dos grupos que se manifestou por meio de sua página oficial no Instagram: "grande Carlos Eduardo Miranda, foi uma figura seminal na nossa história. Foi ele quem chamou a atenção da imprensa do eixo Rio-SP sobre um quarteto que vinha de Minas Gerais e misturava reggae, pop, ska. Foi a chave que abriu a porta pro que viria depois. Ele teria ainda grande contribuição ao longo da nossa carreira, especialmente no disco 'Maquinarama'. Estamos muito tristes com a notícia de seu falecimento. Que sua travessia seja tão leve e divertida quanto a vida que ele levou aqui. Nossos pensamentos estão com sua filhinha Agnes e sua companheira, Bel. Vá em paz, amigo", diz o texto.

Os integrantes do O Rappa também escreveram sobre a morte de Miranda. "Acabamos de saber da passagem de um grande cara (…) responsável por algumas das coisas mais legais que já aconteceram na música brasileira contemporânea. Carlos Eduardo Miranda era antes de tudo um amante da arte. Jornalista, músico, produtor e mais do que tudo, um grande agitador cultural com uma grande importância na nossa carreira e de tantas outras bandas da nossa geração. Produziu o nosso 'Acústico MTV', um dos discos do qual temos mais orgulho e era grande parceiro do nosso também saudoso Tom Capone, com o qual já deve ter esbarrado noutro plano e deve estar pondo o papo em dia. Vai em paz, irmão, força pra sua família e fique com a certeza de que você não veio a este mundo a passeio, sua obra por aqui é eterna!"

Gaby Amarantos e João Gordo também se manifestaram nas redes sociais sobre a morte do produtor.

 

Acabamos de saber da passagem de um grande cara. Esse aí da foto, cercado por discos foi responsável por algumas das coisas mais legais que já aconteceram na música brasileira contemporânea. Carlos Eduardo Miranda era antes de tudo um amante da arte. Jornalista, músico, produtor e mais do que tudo, um grande agitador cultural com uma grande importância na nossa carreira e de tantas outras bandas da nossa geração. Produziu o nosso Acústico MTV, um dos discos do qual temos mais orgulho e era grande parceiro do nosso também saudoso Tom Capone, com o qual já deve ter esbarrado noutro plano e deve estar pondo o papo em dia. Vai em paz, irmão, força pra sua família e fique com a certeza de que você não veio a este mundo a passeio, sua obra por aqui é eterna! 🙏

A post shared by O Rappa (@orappa) on

 

PRA SEMPRE

Posted by Arnaldo Saccomani on Thursday, March 22, 2018

Meus amigos estão partindo! Miranda vai fazer muita falta!Vai em paz, velhinho!

Posted by Gastão Moreira on Thursday, March 22, 2018

 

 

 

 

 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo