Lollapalooza 2018: pulseira ao estilo comanda é útil, mas há filas para recarregar

Por Metro Jornal

Quem quer comprar bebida nos bares oficiais do Lollapalooza 2018 precisa de um pouco de paciência.

É que as pulseiras usadas pelo público para entrar no evento que acontece no Autódromo de Interlagos até domingo (25) também funcionam como comandas que precisam ser recarregadas – o que significa ter de enfrentar alguma filas.

Leia mais:
Lollapalooza 2018: saiba como a CPTM e a SPTrans vão funcionar na cidade
Lollapalooza 2018: veja quais peças de roupa prometem abrilhantar seu look
Lollapalooza 2018: confira a previsão do tempo para o festival em SP

Uma dica é já calcular exatamente quanto de dinheiro vai precisar colocar na pulseira antes de entrar nas filas, pois os caixas de recarga são distantes dos bares e não há tabela com preços nesses locais.

Outro ponto que também pede um pouco mais de paciência é o sistema de recarga. Por conta do uso constante, não é incomum que ele caia no meio do pagamento. Felizmente, o sistema volta rápido.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo