'Planeta Terra 2' estreia domingo na Discovery com narração de Ricardo Boechat

Por Metro Jornal São Paulo

Quando foi lançada, em 2006, “Planeta Terra”, conquistou quatro prêmios Emmy com um retrato intimista e emocionante dos animais na natureza.

Dez anos depois, o advento de novas tecnologias de captação de imagem levaram a equipe do programa original a revisitar o conceito em “Planeta Terra 2”, que estreia neste domingo, às 21h30, no canal pago Discovery com narração do jornalista Ricardo Boechat.

“Para quem ama filmes de natureza, isso tudo é incrível”, afirma Michael Sanderson, responsável pela série documental.

Para ele, o mais importante nesse tipo de projeto é não perturbar os animais. “Eles têm seu próprio jeito de mostrar até quão longe você pode ir com eles. Mas, se eles fizerem isso, significa que você não pode mais usar aquelas imagens”, explica ele.

São seis episódios de uma hora, cada um dedicado a um habitat diferente: como ilhas, montanhas, selvas, desertos, pradarias e cidades.

Há cenas gravadas com golfinhos no Brasil. “Estávamos no meio da Amazônia. Acordávamos muito cedo para encontrar os golfinhos ainda no escuro, de barco.”

Sanderson fala sobre a receita do sucesso da produção. “Tudo precisa ser muito bonito e fazer você imaginar que aquilo não pode ser real. Tudo deve se centrar em torno de animais carismáticos que começam e terminam algo, de preferência com alguma tensão. Às vezes é como um filme de ficção, mas é isso que acontece diariamente na natureza, e o mais importante é mostrar isso”, diz ele.

“Planeta Terra 2” ganha reprise semanal também às quintas, às 19h50, no Discovery.  

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo