Base de assinantes de TV paga recua 5,7% em março sobre um ano antes

Por Reuters

As empresas de TV por assinatura registraram queda de 5,71% na base de clientes ao final de março ante os últimos 12 meses no Brasil, para 17,85 milhões de contratos, segundo dados da Agência de Nacional de Telecomunicações (Anatel), divulgados nesta quinta-feira.

Na comparação com o mesmo período no ano anterior, apenas duas empresas mostraram crescimento em março. A Oi teve um acréscimo de 175 mil clientes à base de contratos, uma alta de 13%, enquanto a Algar registrou um leve aumento de 362 clientes, equivalentes a um crescimento de 0,37% de crescimento.

As demais empresas apresentaram queda, com destaque para a atual dominante do setor, NET, do grupo Claro, que teve uma perda de 796 mil contratos. O recuo representa uma queda de 7,86 por cento na comparação anual, segundo os dados da Anatel. A SKY, perdeu cerca de 290 mil contratos em março sobre um ano antes, redução de 5,2%. A Telefônica Brasil teve queda 4,5% no período, equivalente a 74.270 acessos.

Com relação a fevereiro, as empresas de TV por assinatura registraram uma redução 0,01%, na base de contratos.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo