Você pode estar pagando imposto sem precisar! Veja casos de isenção no IR

Por Metro Jornal

Algumas vezes, na hora de preencher a declaração do Imposto de Renda, temos algumas dúvidas e, escolher a opção errada pode resultar em perder dinheiro. Isso porque existem alguns valores que são isentos de tributação.

O presidente do IET (Instituto de Estudos Tributários) Pedro Adamy faz o alerta: “Geralmente as pessoas fazem a declaração e acabam selecionando a opção errada, pagando imposto sobre o que não se deve”.

Enfermidades graves como câncer, reposição da aposentadoria, resgate do FGTS, são alguns dos casos em que há isenção do imposto. “A maioria dos contribuintes não tem conhecimento sobre as isenções legais e acaba pagamento mais imposto do que deve. Em alguns casos, tais isenções beneficiam pessoas com renda mais baixa, que poderiam fazer bom uso desses recursos”, explica o especialista em direito tributário.

De acordo com dados da Receita Federal, até o momento mais de 8 milhões de declarações do IRPF já foram feitas neste ano. A expectativa é de que mais de 28 milhões de contribuintes declarem até o término do prazo, em 30 de abril. Para quem recebeu rendimentos acima de R$ 28.559,70 em 2017 deve ficar atento, pois a multa para quem não declarar varia entre R$ 165,74 e 20% do imposto devido.

Confira alguns casos de rendimentos isentos abaixo:

– 1/3 das férias;

– Rendimentos da poupança;

– doações e heranças;

– despesas médicas, devidamente comprovadas;

– indenizações por acidentes do trabalho;

– licença-prêmio;

– restituição do imposto de renda;

– salário-família;

– apólices de seguro;

– despesas com educação, até o limite legal;

– seguro-desemprego.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo