Segurados do INSS devem fazer prova de vida até quarta

Por Metro Jornal

Aposentados e pensionistas do INSS têm somente até a próxima quarta-feira, dia 28, para provarem que estão vivos. Quem não fizer a comprovação de vida no tempo previsto poderá ter seu pagamento interrompido.

Dos mais de 34 milhões de beneficiários do INSS, quase 32 milhões já realizaram a comprovação de vida, segundo levantamento divulgado na última semana. Até fevereiro de 2018, 3,2 milhões de beneficiários ainda não compareceram aos bancos pagadores de seu benefício para realizar o procedimento.

Não é necessário ir a uma agência da Previdência Social. O procedimento é realizado diretamente no banco em que o segurado recebe o benefício mediante a apresentação de um documento de identificação com foto, como carteira de identidade, carteira de trabalho e  carteira nacional de habilitação. Segundo o INSS, algumas instituições financeiras estão utilizando a tecnologia de biometria para realizar o procedimento nos terminais de autoatendimento.

Os beneficiários que não puderem ir até às agências bancárias por motivos de doença ou dificuldades de locomoção podem realizar a comprovação de vida por meio de um procurador devidamente cadastrado no INSS ou representante legal. Nesse caso, o procurador deverá comparecer a uma agência da Previdência Social, munido de procuração e apresentar o atestado médico que comprove a impossibilidade de locomoção do beneficiário ou doença contagiosa, além dos documentos de identificação do procurador e do beneficiário.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo