Lufthansa cancela 1,5 mil voos por greve de pilotos

Por lyafichmann

A alemã Lufthansa cancelou 1.511 voos por conta da greve de 35 horas dos pilotos, que começou nesta segunda-feira às 11h (9h de Brasília). Foram afetados ontem voos de curta e média distância. Na terça, os pilotos ampliarão a paralisação aos voos de longa distância.

A greve deve atingir 200 mil passageiros. Para tentar garantir 700 voos, a Lufthansa buscou a ajuda de pilotos voluntários e outras companhias. Foram cancelados os voos com Airbus-A320 e Boeing 737 para trajetos curtos e médios, e com Airbus A380, A340 e A330 e Boeing 747, para voos de longa distância.

Seis voos programados para hoje na rota com o Brasil foram cancelados. Entre Frankfurt e São Paulo, estão suspensos os voos LH506 e LH507. Já entre  São Paulo e Munique, permanecem em solo os voos LH504 e LH505. Entre o Rio de Janeiro e Frankfurt, foram cancelados os voos LH500 e LH501.

Os passageiros com voos cancelados podem alterar sua reserva sem custos extras ou pedir o reembolso. As novas reservas devem ser feitas para antes de 31 de janeiro de 2015 e não se permitem alterações de origem, destino ou classe. Passageiros com voos domésticos na Alemanha também podem trocar suas passagens por bilhetes de trem.

É a oitava greve de pilotos da Lufthansa desde o início de abril. A área e o sindicato negociam desde o fim de março a reforma da aposentadoria antecipada.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo