Facebook paga US$ 22 bilhões pelo Whatsapp

Por Nadia
Os maiores usuários são os países asiáticos, seguidos pela África do Sul | Justin Sullivan/Getty Images Transação de compra do Whatsapp foi concluída nesta segunda | Justin Sullivan/Getty Images

O Facebook pagou quase 22 bilhões de dólares, acima do previsto, pelo aplicativo móvel de mensagens Whatsapp, em uma transação concretizada nesta segunda-feira (6).

A rede social havia anunciado em fevereiro passado a compra do Whatsapp por 19 bilhões de dólares, com a maior parte da transação envolvendo as ações do Facebook, e o aumento do valor se deve à alta de 14% das ações do grupo na Bolsa no período.

De fato, o Facebook pagou 4,59 bilhões de dólares ao Whatsapp em dinheiro, além de 223,7 milhões de ações, no valor total de 17,3 bilhões de dólares. No final, o preço total pelo aplicativo foi de 21,9 milhões de dólares.

O Facebook obteve apenas na sexta-feira passada autorização para concretizar a operação, com a Comissão Europeia, que vela pela livre concorrência na Europa, não impondo qualquer condição.

As autoridade americanas da área (FTC) haviam autorizado a operação em abril passado, mas impuseram certas condições sobre o mau uso do aplicativo.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo