Microsoft pula o "9" batiza seu próximo sistema operacional de "Windows 10"

Por Tercio Braga
Chefe executivo da Microsoft Satya Nadella | Adnan Abidi/Reuters Chefe executivo da Microsoft Satya Nadella | Adnan Abidi/Reuters

A Microsoft anunciou seu sistema operacional “Windows 10” nesta terça-feira para substituir seu amplamente impopular Windows 8, pulando um número em direção a um novo sistema que visa a unificar computação e dispositivos móveis.

A próxima versão do principal produto da Microsoft, que ainda funciona na grande maioria dos computadores pessoais, pretende recapturar o lucrativo mercado corporativo, que em geral ignorou o novo visual do Windows 8.

O Windows 10 será “a melhor plataforma empresarial que tivemos”, disse o diretor de sistemas operacionais da Microsoft, Terry Myerson, em evento em San Francisco. Somente 20 por cento das organizações migraram para o Windows 8, foi lançado há dois anos, segundo a empresa de pesquisa de tecnologia Forrester.

Ele disse que o Windows 10 representava um novo tipo de sistema para a companhia, já que busca unificar computação e a proliferação de dispositivos móveis.

O novo sistema, que deve sair no próximo ano, restaura o tradicional botão do menu iniciar, um recurso que muitos usuários de computadores exigiram de volta depois de ter sido omitido no Windows 8.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo