Mais postos de gasolina são flagrados enganando o consumidor

Por lyafichmann
Técnicos do Ipem analisam bomba de combustível | Henrique Pereira/Band Técnicos do Ipem analisam bomba de combustível | Henrique Pereira/Band

Após a Band denunciar, no mês passado, um esquema de fraude na quantidade de combustível vendida em diversos postos em São Paulo e no Rio de Janeiro, novos estabelecimentos foram flagrados lesando o consumidor nesta terça-feira.

Uma equipe com integrantes do Ipem (Instituto de Pesos e Medidas), da ANP (Agência Nacional do Petróleo) e o DEIC (Departamento Estadual de Investigações Criminais) descobriu dois postos de combustível foram utilizando sistemas eletrônicos para fraudar o abastecimento.

Com a falcatrua, o consumidor paga mais do que leva de combustível no carro. Em um posto, a cada 20 litros vendidos, o local deixava de entregar 600 ml.

Daniel Esteves Santana, delegado regional do Ipem que acompanhou as operações de hoje, afirmou que a força tarefa entre os órgãos vai continuar com o cerco aos fraudadores.

“A denúncia da Band é grave e a Agência Nacional do Petróleo, o Ipem e Polícia Civil firmaram o compromisso de um trabalho continuado de repressão à fraude”, explicou Santana. “Não tem data para acabar (a fiscalização). Nós já começamos o trabalho e vamos persistir até termos um resultado que dê segurança para o consumidor.”

A reportagem completa, apurada pelo repórter Henrique Pereira, você confere hoje no Jornal da Band, que vai ao ar às 19h20.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo