Intenção de compra para o Dia dos Pais cai neste ano

Por lyafichmann
Vendas cresceram 3,78% no Dia dos Pais do ano passado | Renato Araújo/ABr Vendas cresceram 3,78% no Dia dos Pais do ano passado | Renato Araújo/ABr

O Dia dos Pais, que será celebrado no dia 10 de agosto, deve injetar R$ 5,3 bilhões no comércio brasileiro, de acordo com pesquisa da Fecomércio RJ/Ipsos. Mas a proporção de consumidores dispostos a comprar presentes caiu em relação ao ano passado.

Segundo o levantamento, feito com mil consumidores de 70 municípios do país, 31,2% têm intenção de presentear alguém na data comemorativa, cerca de 45,2 milhões de brasileiros. Em 2013, o percentual era de 42,1%.

Entre as opções de presentes, os itens de vestuário predominam a preferência nacional com 43,4% das intenções. Perfumes e cosméticos estão na sequência, com 15,2%, seguido de calçados e acessórios com 5,6%. No entanto, 30,7% dos brasileiros se declararam indecisos quanto à escolha.

O valor gasto em média com o presente do Dia dos Pais será de R$ 117 por consumidor. Os homens, contudo, gastarão 48,2 % a mais do que as mulheres, R$ 141,30 contra R$ 95,33, respectivamente.

Os comerciantes estão pouco otimistas com a data. A CNC (Confederação Nacional do Comércio de Bens e Turismo) espera que o volume de vendas no Dia dos Pais terá a menor alta para a data desde 2004. A previsão é de um crescimento de 4,3%. Em 2004, o aumento foi de 1,6%.

Para o economista da CNC, Fabio Bentes, o ritmo mais fraco resultará principalmente do encarecimento do crédito. “O custo mais alto dos empréstimos, aliado à tendência de encurtamento do prazo médio observada desde dezembro, têm desestimulado a tomada de novos recursos”, diz.

dia-dos-pais

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo