Internet chega a 40,8% dos domicílios, aponta pesquisa

Por Caio Cuccino Teixeira

Um estudo do Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada) indica que 40,8% dos domicílios brasileiros têm acesso à internet. No entanto, há uma grande diferença no acesso entre as regiões. O alcance é maior no Sudeste (51,5%), seguido por Sul (42,9%), Centro-Oeste (40,7%), Nordeste (29,2%) e Norte (20,7%).

Entre os motivos mais citados a respeito da não contratação de serviços de acesso à internet estão o fato de não possuir computador (59,6%) e não ter condições de pagar o acesso (14,1%).

Mais da metade dos entrevistados (55,2%) paga mensalmente entre R$ 31 e R$ 70 pelo acesso. Sobre a velocidade contratada, 31,6% declararam não saber qual era o pacote que haviam contratado.

Entre os que respoderam, 69,1% têm uma percepção positiva do serviço de internet residencial. A TV a cabo teve a melhor avaliação (78,4% positiva), enquanto o acesso via modem de telefonia móvel teve a pior (positivo para 60,9%).

O estudo mostra que a ampla maioria, 70,6%, contrata os serviços de telecomunicações separadamente e que apenas 19,7% pagam por pacotes combinados. “Isso pode ser consequência, principalmente do fato de o domicílio contratar os serviços de prestadores diferentes ou da ausência de oferta de pacotes em todas as áreas. Outra possível causa é a oferta de pacotes combinados não atenderem às possibilidades econômicas das famílias”, diz o Ipea.

internet-acesso-usuarios-arte

Loading...
Revisa el siguiente artículo