Santander lidera ranking de reclamação do Banco Central

Por Caio Cuccino Teixeira

O Santander Brasil teve em janeiro o maior índice de reclamações de clientes entre as grandes instituições financeiras no país, segundo ranking divulgado nesta segunda-feira pelo Banco Central.

A medição leva em conta o número de reclamações em relação ao total de clientes. O índice é obtido dividindo-se o total de queixas procedentes pelo número de clientes e multiplicado por 100 mil.

O índice do Santander Brasil foi de 1,64, o maior entre os bancos com mais de um milhão de clientes. O HSBC ficou em segundo, com taxa de 1,37.

Itaú Unibanco, Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal completam a lista dos cinco bancos com mais reclamações, com índices 1,19, 1,15, 0,82, respectivamente.

Por número de reclamações procedentes, a Caixa apareceu em primeiro, com 454 queixas, seguida por BB (409), Santander Brasil (382), Itaú (310), Bradesco (273), HSBC (81) e Banrisul (16), informou a “Reuters”.

Em nota, o Santander respondeu que vem fazendo uma revisão de processos, ofertas e atendimento para simplificá-los e torná-los mais ágeis e melhorar a experiência dos consumidores.

No total, o BC recebeu 2.175 reclamações procedentes em janeiro. O débito não autorizado em conta continua a ser a principal queixa.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo