Carnaval pode pesar mais no bolso neste ano

Por fabiosaraiva

A redução nos preços da passagens aéreas deve trazer alívio para o bolso de quem planeja viajar no Carnaval. No entanto, o folião precisa ficar atento aos demais gastos no período.

A tarifa aérea apresentou queda de 14%, item de peso para os turistas, nos últimos doze meses. Por outro lado, alimentos, bebidas, serviços e roupas tiveram alta acima da inflação, segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

“Em março, sempre temos pico de inadimplência. O consumidor ainda está pagando despesas com os gasto do Natal e Ano Novo, férias, IPVA, IPTU e material escolar”, alerta o economista da Serasa Experian, Luiz Rabi.

A hospedagem está entre os itens que podem encarecer a viagem. Em doze meses, os hotéis ficaram 9,72% mais caros. Segundo pesquisas feita pelo Creci-SP (Conselho Regional de Corretores de Imóveis), o aluguel de temporada subiu até 108% no litoral paulista.

Também registraram aumentos bem acima da inflação, de 5,59% nos último doze meses, o estacionamento (13%), cerveja (9,88%) e refeição (9,37%).

Rabi aconselha o consumidor a colocar todos os gastos na ponta do lápis para avaliar se realmente tem condições de viajar no Carnaval. “Dá para viajar sem gastar muito. Além de pesquisar preços, faça as contas para saber se não é mais vantajoso viajar de carro e procure pacotes com as principais refeições inclusas, por exemplo”, diz o economista.

 

Preço justo

O Ministério do Turismo acaba de lançar a campanha Jogo Limpo, para estimular viajantes, empresários e veículos de comunicação a compartilhar nas redes sociais da Pasta o lema “Turismo a um preço justo”, com textos e fotos de hotéis, companhias aéreas, restaurantes e outros serviços públicos e privados.

Na segunda etapa, o ministério vai lançar uma cartilha com dicas de viagem e contratação de serviços turísticos. Os empresários do setor, que aderirem à campanha, receberão o selo Eu Jogo Limpo.).

 

20140217_SP07_Folia-de-preços


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo