202 milhões de pessoas estão sem emprego no mundo, diz OMT

Por george.ferreira

Em todo o mundo, o número de desempregados chegou aos 202 milhões em 2013. Cinco milhões a mais do que o ano anterior. A Organização Mundial do Trabalho afirma que a recuperação econômica global ainda não é suficiente para mudar a situação dramática do desemprego. Principalmente, entre os jovens de 15 a 24 anos. Estima-se que 74,5 milhões deles estão sem ocupação.

A taxa é especialmente elevada no Oriente Médio, na África do Sul, em algumas regiões da América Latina, e no sul da Europa. Em alguns países do velho continente, a taxa de desemprego chega a 50% entre os jovens. O relatório da OIT também destaca outro problema: o tempo que o trabalhador fica desempregado está aumentando. Na Espanha, a média chega a oito meses, e na Grécia a nove.

Brasil terá desemprego acima de média mundial, diz OIT

O desemprego no Brasil deverá continuar acima da média mundial pelo menos até 2016. É o que afirma uma relatório da Organização Mundial do Trabalho. A OIT acredita que a taxa tenha atingido os 6,7% em 2013, cairá levemente para 6,6% este ano e chegará a 6,5 em 2015 e em 2016. Caso as projeções se confirmem, o país será o único entre os integrantes do Bric – grupo formado por Brasil, China, Índia e Rússia – a ter taxas de desemprego acima da média mundial pelos próximos dois anos.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo