Cadastro positivo de clientes de bancos já começaram

Por Carolina Santos

A partir de hoje, os clientes de bancos poderão ter seu nome incluído no chamado cadastro positivo. O banco de dados vai guardar o histórico do comportamento financeiro de quem se cadastrar, incluindo informações sobre o pagamento de dívidas.

Os dados poderão ser acessados por outras instituições financeiras e lojas que concedem crédito. Com isso, a expectativa é de que os bons pagadores sejam beneficiados com redução das taxas de juros e ampliação dos prazos para pagamento.

“Vamos aperfeiçoar o modelo de concessão de crédito. Será um sistema mais preciso para o lojista, mais assimétrico para o mercado e mais justo para o consumidor”, diz o superintendente do Serviço de Proteção ao Crédito, Nival Martins.

Para órgãos de defesa do consumidor, no entanto, ainda não está claro como consumidores classificados como bons pagadores vão se beneficiar. Além disse, o Idec (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor) avalia que as medidas caminham no sentido de criar discriminação entres os cidadãos, o que é inconstitucional.

Já a Proteste recomenda avaliar bem antes de entrar no cadastro. Para a entidade, não há dúvida de que a privacidade do consumidor será invadida. A autorização poderá ser geral ou restrita. Nesse último caso, apenas o estabelecimento específico autorizado pelo consumidor poderá fazer a consulta.

 

Loading...
Revisa el siguiente artículo