Exposição gratuita que estreia no Sesc Pompeia reflete sobre elo entre arte e loucura

Por Metro Jornal

Com curadoria da psicanalista e professora Tania Rivera, a exposição “Lugares de Delírio” abre nesta terça-feira (10), às 20h, no Sesc Pompeia, com o objetivo de propor uma reflexão sobre as fronteiras entre a arte e a loucura.

Cerca de 170 obras de mais de 40 artistas, entre nomes consagrados e outros diagnosticados com transtornos psiquiátricos, permeiam o espaço expositivo. São instalações, pinturas, objetos, fotografias, mapas e performances que têm a loucura como tema ou são fruto de devaneios.

Leia mais:
Com brasileiros no elenco, Ballet du Capitole de Toulouse defende Rudolf Nureyev
Festival Coachella terá transmissão ao vivo no YouTube

Com isso, busca-se tensionar o diálogo entre o que é normal e o que é patológico e sublinhar o aspecto conceitual de trabalhos como os de Arthur Bispo do Rosário (1909-1989), diagnosticado como esquizofrênico.

A exposição reúne ainda obras de Cildo Meireles, Lygia Clark e Lasar Segall, entre outro.

Serviço:
No Sesc Pompeia (r. Clélia, 93, tel.: 3871-7700). De ter. a sáb., das 10h às 21h30; dom., das 10h às 19h30. Grátis. Até 1/7.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo