O que o esperar do spin-off de ‘Grey’s Anatomy’?

Por Metro Internacional

Shonda Rimes não para. Depois de investir no mundo da política (“Scandal”), dos tribunais (“How To Get Away With Murder”) e dos médicos (“Grey’s Anatomy”), a produtora e roteirista se prepara para lançar um novo spin-off de seu maior sucesso, atualmente em sua 14ª temporada e renovada para outras duas.

Leia mais:
Revista divulga foto de crossover entre ‘Scandal’ e ‘How to Get Away with Murder’
“Grey’s Anatomy” x realidade: uma série pode ser fiel ao que acontece num hospital?

A nova série, no entanto, não vai apresentar exatamente o universo médico, como aconteceu com “Private Practice”, spin-off anterior que teve seis temporadas entre 2007 e 2013.

“Station 19” será ambientada em torno de um grupo de bombeiros de Seattle. Tal como acontece com sua série irmã, a ideia é apresentar homens e mulheres heroicos, desde o recruta ao veterano, que se arriscam e correm contra o tempo para salvar vidas.

O gancho para a nova trama nasceu do episódio final da 13ª temporada de “Grey’s Anatomy”, quando o hospital no qual a história se centra pegou fogo.

O incidente fez despertar no cirurgião Ben Warren (Jason George) a vontade de encarar a rotina dos bombeiros, mesmo a contragosto de sua mulher, Miranda Bailey (Chandra Wilson).

O ator puxa um elenco que terá ainda Jaina Lee Ortiz (“Rosewood”), Hay Hayden, Alberto Frezza e Okieriete Onaodowan – ou seja, a exemplo de outras produções de Shonda, o público pode esperar muita diversidade étcnica e de gênero na produção.

A sede do Corpo de Bombeiros será situada próximo ao hospital Grey Sloan Memorial, fazendo com que crossovers de personagens de uma série para a outra não sejam raro, para a alegria dos fãs de “Grey’s Anatomy”.

A série “Station 19” está agendada para estrear nos Estados Unidos no dia 22 de março.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo