Grammy 2018: Lorde usou vestido literalmente para protestar contra assédio

Por Metro Internacional
Reprodução / Getty
Grammy 2018: Lorde usou vestido literalmente para protestar contra assédio

Os vestidos pretos que protestaram contra o assédio no Globo de Ouro deram lugar às rosas brancas no Grammy Awards 2018.

No entanto, a cantora Lorde, decidiu protestar junto as campanhas "Time's Up" e "Me too" de uma maneira mais pessoal e original.

Seu vestido Valentino não surpreendia apenas pela cor e beleza, mas também por um detalhe importante nas costas. Lorde levava costurado um trecho de “Ensaios inflamáveis”, da artista feminista Jenny Holzer.

"Regozijem-se! Nossos tempos são intoleráveis. Tenham coragem porque o pior é um presságio do melhor. Somente as circunstâncias extremas podem precipitar a queda dos opressores. Os velhos e corruptos devem ser jogados fora antes que os justos possam triunfar. A contradição se intensificará. O julgamento será apressado pela agitação das sementes. O apocalipse florescerá", pode-se ler, em tradução livre, nas costas da cantora.

 

Loading...
Revisa el siguiente artículo