É verdade que Guillermo del Toro plagiou a história de 'A Forma da Água'?

Por Metro Internacional
Reprodução / Divulgação
É verdade que Guillermo del Toro plagiou a história de 'A Forma da Água'?

Favorito para o Oscar 2018, o longa “A Forma da Água” está gerando polêmica nas redes sociais devido às suas semelhanças estéticas com o curta-metragem “The Space Between Us”.

No curta holandês de 2015, a trama gira em torno de uma trabalhadora de limpeza que testemunha a chegada de um anfíbio humanoide com as características de uma criatura do mar e desenvolve um vínculo com ela.

O filme de Guillermo del Toro também conta a história de uma trabalhadora solitária que se apaixona por uma criatura estranha que é parte peixe e parte humana.

Os usuários do Reddit indicaram que ambas as tramas são praticamente idênticas, no entanto, é possível ver que existem algumas diferenças.

O que muda nas produções?

Uma das características que não coincidem entre o curta e o filme é que a protagonista de “A Forma da Água”, interpretada por Sally Hawkins, é muda. Já em “The Space Between Us”, a protagonista não possui essa condição.

Os contextos históricos também são diferentes: o filme mexicano é desenvolvido durante a Guerra Fria e o curta é ambientado em um futuro pós-apocalíptico.

O que dizem os diretores

O diretor mexicano afirmou que a ideia de “A Forma da Água” já estava sendo desenvolvida desde 2013.

Guillermo falou com o portal Hollywood Elsewhere, mencionando que ele e Daniel Kraus começaram a trabalhar na produção desde 2011 e em dezembro de 2017 foi a primeira vez que o diretor teve contato com “The Space Between Us”.

"O que é divertido é que eu tenho dois filmes, Hellboy e Hellboy 2, que têm criaturas aquáticas trancadas em tanques secretos em laboratórios, de modo que o conceito geral não é de domínio exclusivo", concluiu del Toro quando perguntado sobre as semelhanças com o curta-metragem holandês.

A revista Quién conseguiu entrar em contato com Marc Nollkaemper, diretor de “The Space Between Us”, e divulgou que sua resposta foi a seguinte: "Concordo que tivemos ideias semelhantes ao mesmo tempo, de fato, estou muito feliz com as coincidências, não vi “A Forma da Água”, mas obviamente vi o trailer".

Se você ficou curioso sobre "The Space Between Us" , dá uma olhada: 

Loading...
Revisa el siguiente artículo