Melanie Martinez lança música em resposta à amiga que a acusou de estupro

Por Band.com.br

Após ser acusada de abusar sexualmente de sua ex-melhor amiga, Melanie Martinez decidiu se manifestar sobre o assunto através de uma música. Chamada "Piggyback", a faixa gerou polêmica com sua letra, que seria uma resposta à acusação que recebeu.

"Eu acreditei em tantas pessoas falsas quando eu ainda era jovem. Dei a elas o benefício da dúvida, eu estava tão errada. Eu juro por Deus que desejei a todos vocês o melhor. Você está mentindo para ganhar uma parte de mim, quando você nunca poderia se aproximar porque eu sei o meu destino", disse a artista na canção.

Leia mais:
Melanie Martinez é acusada de estupro pela melhor amiga; leia relato
Melanie Martinez nega denúncias de estupro e assédio: ‘Declarações falsas’

Ela ainda falou sobre o esforço que fez para entrar no mundo do entretenimento: "Eu trabalhei tudo para essa m****, coloquei meu amor nessa m****. Agora você está tentando me matar pela fama. O que é isso? Eu era uma boa amiga e você usou isso para a sua própria vantagem. Agora eu tenho 22 anos e tive um ano louco me isolando de todas as pessoas feitas de plástico".

Há duas semanas, Melanie Martinez foi acusada por Timothy Heller, sua ex-melhor amiga, de estupro. Em suas redes sociais, a menina descreveu os detalhes da noite em que precisou "repetidamente dizer não" aos avanços sexuais da cantora.

"Eu segurei esse segredo por muito tempo, me convencendo de que não era tão importante e que eu não estava machucada com isso. A ideia de aceitar que minha melhor amiga me estuprou é insana. Até mesmo digitar isso não parece real para mim", tuitou a jovem.

Logo após a publicação, Melanie Martinez rebateu: "Estou triste e chocada com a história que Timothy Heller contou. O que ela e eu tínhamos era uma amizade muito próxima. Nós entramos na vida uma da outra em um momento que estávamos começando nossas carreiras como artistas, e tentávamos nos ajudar. A gente lidava com nossos próprios demônios e com os novos caminhos na nossa frente, e eu realmente senti que a gente se apoiava. Ela nunca disse não para o que escolhíamos fazer juntas. Apesar dos caminhos separados, estou sempre lhe enviando amor e luz".

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo