Astro do k-pop Jonghyun deixou bilhete suicida para amiga

Por Metro Jornal com ANSA
Divulgação
Astro do k-pop Jonghyun deixou bilhete suicida para amiga

Uma amiga do astro sul-coreano Jonghyun, morto na segunda-feira (18), revelou aos fãs um bilhete no qual o cantor de k-pop contava sofrer de depressão há anos.

Jonghyun, que tinha 27 anos, também chegou a se despedir da irmã, enviando uma mensagem de texto que dizia "por favor, me deixe ir. Me diga que eu fiz bem. Adeus final". Preocupada, a irmã acionou a polícia, mas os agentes já encontraram o artista inconsciente quando chegaram ao apartamento do astro, em Seul.

Leia mais:
Morre vocalista principal da banda sul-coreana Shinee

No entanto, foi devido a mensagem deixada à amiga que as autoridades da Coreia do Sul consideram a morte como um caso de suicídio por meio de inalação de gás tóxico.

"Eu estava devastado por dentro. A depressão foi aos poucos me devorando, até me consumir. Não consegui superá-la. Eu odiava a mim mesmo. Não houve resposta, mesmo que eu continuasse chorando. Eu preferia parar se eu não pudesse respirar. Perguntei quem poderia ser responsável por mim. Eu estava sozinho. É fácil terminar. É difícil terminar. Eu tenho vivido nessa dificuldade. Eu queria fugir. Isso é certo. Eu queria fugir", escreveu o artista.

A banda de k-pop Shinee tinha cinco integrantes, com Kim Jong-hyun como vocalista principal. O cantores lançaram seu álbum de estreia, "The Shinee World", em 2008. O grupo é famoso internacionalmente e centenas de fãs brasileiros lamentaram nas redes sociais a morte do artista.

Loading...
Revisa el siguiente artículo