'Queria ter matado o Montanha ou o Joffrey', diz Dean-Charles Chapman, o Tommen de GoT

Por Wanise Martinez
Frazer Harrison/Getty Images
'Queria ter matado o Montanha ou o Joffrey', diz Dean-Charles Chapman, o Tommen de GoT

Intérprete do personagem Tommen Baratheon em “Game of Thrones”, o ator inglês Dean-Charles Chapman participou de um painel sobre a série nesta sexta-feira (7) e empolgou os fãs presentes no primeiro dia da CCXP – Comic Con Experience 2017.

Bastante simpático, o artista de 20 anos contou detalhes sobre sua participação no seriado da HBO, durante as temporadas 4, 5 e 6, como o filho bondoso da malvada Cersei Lannister (Lena Headey). Na trama, ele acaba tirando a própria vida ao perder a amada Margaery Tyrrell (Natalie Domer).

“Sou muito sortudo. Eu pude morrer duas vezes na série “, revelou, intrigando o público. “É que fiz uma ponta como um primo de Tommen antes e dei muita sorte quando me chamaram para fazer outro personagem”.

Dean também confessou sua própria teoria sobre o fim da história. “Eu já li várias, mas tenho a minha: os White Walkers são na verdade os caras legais”, disse, aos risos.

Sobre a cena de suicídio de seu personagem Tommen Baratheon, o ator revelou que teve bastante dificuldade para realizar. “Estava muito nervoso. Agora assisto, mas na hora foi difícil de fazer. Tive que repetir mais de 20 vezes; tinham vários travesseiros para cair em cima, mas depois fiquei exausto e dolorido", lembrou o ator.

Para finalizar, Dean contou que torce para que Jon Snow (Kit Harington) ou Daenerys Targaryen (Emilia Clark) consigam o Trono de Ferro e que saiu do seriado muito feliz, mas com uma única frustração: que seu personagem não tenha matado ninguém. “Ele podia ter matado o Montanha (Hafþór Júlíus Björnsson) ou o Joffrey (Jack Gleeson)", brincou.

A CCXP – Comic Con Experience 2017 acontece até domingo (10), no São Paulo Expo.

Loading...
Revisa el siguiente artículo