MasterChef Profissionais: Não sei se sou o cozinheiro a ser temido, diz Pablo

Por Band.com.br
Reprodução/Band
MasterChef Profissionais: Não sei se sou o cozinheiro a ser temido, diz Pablo

Em entrevista, o mineiro Pablo, um dos participantes do "MasterChef Profissionais", desconversou e apontou quais são os outros candidatos que podem chegar ao título do programa.

“Que responsabilidade (risos). Não sei se sou o cozinheiro mais temido, mas acho que junto com o Francisco, tenho bastante experiência, mas a Irina está vindo em uma pegada muito boa no programa desde o começo. Somos os três mais fortes”, argumentou.

Leia mais:
Masterchef Profissionais: Monique conta qual era o prato mais pedido por Ivete
MasterChef Profissionais: Internet lamenta saída de Lubyanka do programa

Com uma receita de avestruz na brasa ao molho de vinho e conhaque com polenta defumada, shimeji e uvas passas, Pablo foi considerado o melhor da prova de carne de caça.

“Não estou acostumado a trabalhar com carnes exóticas, mas por incrível que pareça, a única que eu já tinha trabalhado há muito tempo atrás, foi avestruz. Na época, fiz umas receitas para um cara que estava vendendo avestruz na minha cidade, mas faz muito tempo que não trabalho, era tudo novidade”, afirmou.

“Avestruz é um animal enorme, têm vários cortes, a gente não sabia qual era o corte que estava disponível para a gente. É uma carne muito magra, saudável, tem que saber fazer, se não pode dar B.O”, completou.

Apesar do bom rendimento nas últimas provas, Pablo teve um começo de trajetória complicado e chegou a escutar uma bronca do chef Erick Jacquin. “Era nervosismo, pressão e responsabilidade. É sempre difícil a gente cozinhar para quem foi o nosso chef. As provas externas começaram a me deixar mais tranquilo, comecei a mostrar o cozinheiro que eu sou”, explicou.

Confira:

Loading...
Revisa el siguiente artículo