Atrizes de One Tree Hill se unem para denunciar abuso sexual do criador da série

Por Metro Jornal
O criador de One Tree Hill, Mark Schwahn - Neilson Barnard/Getty Images
Atrizes de One Tree Hill se unem para denunciar abuso sexual do criador da série

As atrizes Bethany Joy Lenz (Hailey), Hilarie Burton (Peyton) e Sophia Bush (Brooke), que interpretaram as personagens femininas principais por boa parte de "One Tree Hill" (exibida pelo SBT como "Lances da Vida"), entraram na briga contra o assédio sexual em Hollywood. Elas, junto a outras colegas do elenco e parte da equipe da série, exibida de 2003 a 2011, assinaram uma carta denúncia contra o criador do programa, Mark Schwahn.

A denúncia teve início com uma publicação no Twitter feita pela roteirista Audrey Wauchope, logo apoiada pelas atrizes. Ela afirmou que foi tocada por Schwahn de maneira inapropriada.

A carta, divulgada pela revista Variety na última segunda-feira (13), afirma que muitas pessoas que trabalharam na série ainda lidam com as consequências de trabalhar com o produtor.

“O comportamento de Mark Schwahn durante as filmagens de 'One Tree Hill' era algo como ‘um segredo conhecido’. Muitas de nós fomos, em graus diferentes, manipuladas psicológica e emocionalmente. Mais de uma de nós ainda está em tratamento de estresse pós-traumático. Muitas de nós fomos colocadas em situações desconfortáveis e tivemos que aprender a lutar, muitas vezes fisicamente, porque ficou claro para nós que os supervisores na sala não eram os protetores que deveriam ser”, afirma trecho.

A carta é assinada ainda por Danneel Harris, Michaela McManus, Kate Voegele, Daphne Zuniga, India DeBeaufort, Bevin Prince, Jana Kramer, Shantel Van Santen e Allison Munn e por Audrey Wauchope, Rachel Specter, Jane Beck, Tarin Squillante, Cristy Koebley e JoJo Stephens, que trabalharam por trás das câmeras.

 

Mark Schwahn O criador de One Tree Hill, Mark Schwahn / Neilson Barnard/Getty Images
Loading...
Revisa el siguiente artículo