MasterChef Profissionais: Eu errei a mão no sal, lamenta a eliminada Monique Gabiatti

Por band.com.br

A viagem de Monique Gabiatti pelo Oriente Médio não foi bem sucedida. A cozinheira sergipana exagerou no tempero e acabou eliminada do MasterChef Profissionais nesta terça-feira, dia 7.

“Eu errei a mão no sal. Fico triste porque eu estava bem confiante no meu prato, estava saboroso. Porém, é isso, estava muito apaixonada pelo programa e salguei demais, dizem que quando exageremos no sal é porque estamos apaixonados (risos)”, avaliou em entrevista ao Portal da Band.

No primeiro desafio, quando os cozinheiros tiveram que trabalhar na cozinha do Jamile, um dos restaurantes do chef Henrique Fogaça, Monique sofreu uma queimadura. No entanto, ela garante que estava mais focada em seu desempenho.

“Não fiquei preocupada, fiquei sentindo muita dor. A gente tem o tempo curto, se eu parasse, meu corpo ia esfriar e ia me prejudicar como andamento da prova. Tinha que tomar a decisão entre parar e fazer um curativo ou continuar com dor. Acreditei que a adrenalina me faria esquecer um pouco a dor”, explicou.

Apesar da eliminação, a cozinheira aprovou a sua passagem pelo talent show culinário. “Tudo é bom. Vamos nos transformando durante o programa, fui conhecendo pessoas e experiências que vamos levar para a vida, é muito gratificante, estou muito feliz. Existe um Monique antes e outra depois do MasterChef”, afirmou.

Na hora de apontar para quem vai a sua torcida, Monique ficou em cima do muro, só adiantou que gostaria de ver uma mulher como campeã da temporada.

“Não tenho torcida definida. Todos são muito merecedores de estarem aí, me senti muito honrada, são grandes profissionais, técnicos, viajados, não tenho um preferido. Prefiro que uma menina ganhe, mas também tem o Pablo que eu quero muito que chegue à final”, argumentou.

Loading...
Revisa el siguiente artículo