Ex-agentes de Johnny Depp querem que ele venda propriedades para quitar dívidas

Por Metro
John Phillips/Getty Images
Ex-agentes de Johnny Depp querem que ele venda propriedades para quitar dívidas

O ator Johnny Depp continua enfrentando seus ex-agentes na justiça. Nesta última segunda-feira (6), executivos da empresa The Management Group (TMG) ajuizaram uma nova ação em um tribunal de Los Angeles pedindo que ele seja forçado a vender cinco propriedades para pagar uma dívida de US$ 5 milhões (R$ 16,4 milhões).

Segundo os antigos responsáveis por cuidar da carreira do artista, o dinheiro solicitado é o saldo restante de um empréstimo feito a Depp pela TMG em dezembro de 2012.

Leia mais:
Joe Jonas e Sophie Turner reúnem amigos para celebrar noivado; veja fotos
Sony retira filme de Kevin Spacey de festival, mas mantém lançamento em dezembro

As prestações estavam sendo pagas até março deste ano, porém como sua parceria com a empresa foi encerrada exatamente neste período, os pagamentos foram suspensos.

O valor real da dívida é de US$ 4,4 milhões (R$ 14,4 milhões), além dos juros e outras taxas.

Segundo Johnny Depp, a empresa administrou mal seu dinheiro, o que teria feito com que ele entrasse em falência. Os ex-agentes, porém, dizem que foi ele quem perdeu o controla das finanças por gastar demais. O ator exige um ressarcimento de US$ 25 milhões (R$ 82,1 milhões) da empresa.

Loading...
Revisa el siguiente artículo