Exposição na Itália com objetos originais do Titanic relembra 105 anos do naufrágio

O naufrágio do navio mais famoso da história, o Titanic, completa 105 anos neste sábado (15). O transatlântico afundou após colidir contra um iceberg durante sua viagem de inauguração, deixando 1,5 mil mortos.

Para relembrar a triste data, a Sociedade Promotora das Belas Artes, em Turim, no norte da Itália, está realizando a exposição “Titanic – The Artifact Exhibition”.

Leia mais:
Será que mistério acaba de verdade com fim de ‘The Leftovers’?
‘Chegou a hora de partir’, diz Peter Capaldi às vésperas de deixar ‘Doctor Who’

Pela primeira vez no país, a mostra é uma viagem emocionante por dentro da embarcação. São cerca de 200 objetos originais que pertenciam aos passageiros, como cerâmicas, pratos decorados, roupas e frascos de perfume. Os visitantes também têm o privilégio de ver peças originais do navio resgatadas do fundo do mar.

Além disso, duas cabines em tamanho real foram reconstruídas, uma de primeira e outra de terceira classe, assim como uma parede de gelo, para reproduzir as condições climáticas daquela manhã de mais de um século atrás.

Até o momento, mais de 20 mil pessoas já foram à Sociedade Promotora das Belas Artes para descobrir a história do “navio dos sonhos”, como era chamado na época. A exposição ficará aberta até o dia 25 de junho.

Os ingressos podem ser adquiridos pelo site oficial e custam 17,50 euros. Estudantes têm desconto, e crianças de três a 12 anos pagam meia-entrada.

 

Veja imagens da exposição:

Loading...
Revisa el siguiente artículo