Justiça reabre processo contra Justin Bieber por pichação no Rio de Janeiro

Por admin

No mesmo dia em que realizou seu primeiro show no Brasil após anos longe do país, o cantor canadense Justin Bieber foi citado por determinação do juiz da 34ª Vara Criminal do Rio de Janeiro, Rudi Baldi Leowenkron, nesta última quarta-feira (30).

Proposta pelo Ministério Público do estado do Rio, a ação contra o astro pop foi aberta depois que o artista foi flagrado pichando o muro do Hotel Nacional, em São Conrado, em 2013. Na época, Bieber também estava fazendo uma turnê no Brasil, alvo de várias polêmicas.

Leia mais:
Justin Bieber passeia no Rio de Janeiro e seu segurança faz sucesso na internet
Justin Bieber posa sem camisa e mostra novas tatuagens para fãs

O canadense está no Brasil desde esta quarta para realizar três shows da sua turnê mundial "Purpose".

O primeiro deles aconteceu no Rio de Janeiro e reuniu milhares de fãs e celebridades, como a cantora Anitta, na Praça da Apoteose. As outras duas apresentações acontecerão no dia 1 e 2 de abril em São Paulo.

Por um caso semelhante, um juiz da Argentina emitiu um mandato de prisão internacional contra o cantor, que não compareceu a uma audiência em Buenos Aires sobre a agressão de um fotógrafo argentino por um dos seguranças de Bieber também em 2013.

Loading...
Revisa el siguiente artículo