Filósofo Leandro Konder morre aos 78 anos no Rio

Por Tercio Braga
Konder sofria de Mal de Parkinson e morreu em decorrência das complicações da doença, em sua casa | Reprodução Konder sofria de Mal de Parkinson e morreu em decorrência das complicações da doença, em sua casa | Reprodução

O filósofo Leandro Konder, de 78 anos, morreu nesta quarta-feira em casa,  no Rio de Janeiro. Ele era conhecido como um dos autores brasileiros mais importantes nos estudos sobre o marxismo. O velório será hoje, às 15h. O corpo de Konder srá cremado amanhã. O filósofo sofria de Mal de Parkinson e morreu em decorrência de complicações.

Konder era professor da PUC-Rio e da UFF (Universidade Federal Fluminense). Filho do líder comunista Valério Konder, foi preso e torturado durante a ditadura militar e se exilou, em 1972, na Alemanha e na França. Voltou ao país em 1978, quando passou a difundir os estudos sobre o marxismo.  

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo