Segundo álbum do britânico Ed Sheeran consagra artista

Por Nadia
Ed Sheeran chegou ao topo da Billboard aos 23 anos | Ben Wats/Divulgação Ed Sheeran chegou ao topo da Billboard aos 23 anos | Ben Wats/Divulgação

Em rankings recheados de rappers e divas das pistas, um britânico de 23 anos tem se destacado com seu violão acústico. Ed Sheeran, cujo segundo álbum “X” chegou ao topo da lista da Billboard dos 200 maiores discos do verão de 2014, diz gostar do fato de sua popularidade ajudar a preencher um nicho musical até então despovoado. “Acho que existe um cantor/compositor para cada geração. Acho que talvez eu seja o cara da geração de agora”, diz ele.

A afirmação é típica de Sheeran em qualquer conversa dele e contém o toque de grandiosidade que alguém precisa para se tornar um popstar, mas ali há também há uma grande dose de humildade e até traços de dúvidas quanto a si mesmo. Ele diz “talvez” com a mesma frequência com que canta sobre estar bêbado. Apesar disso, a música de Sheeran contempla alguns níveis de certeza.

“Gosto de um bocado de tipos diferentes de música e de testá-las”, diz. “Não quero nunca ser um macaco de um truque só, mesmo que eu não domine as outras artes.”

Seus shows incluem elementos experimentais em samplers e seu repertório vai desde baladas bonitas a raps confessionais e covers de Bruce Springsteen.

No dia desta entrevista, um meme sobre Sheeran rodava as redes sociais. O cantor, no entanto, parece contente por ser alvo de sites de fofocas. “Pelo menos estão dizendo algo”, afirma.

Sheeran aprendeu do jeito mais difícil a não sair falando mal de pessoas famosas quando criticou o vídeo “Wrecking Ball”, de Miley Cyrus. Outra artista sobre a qual você não vai ouvir o cantor falar é aquela que virou tema de seu single mais recente, “Don’t”.

A letra diz “eu e ela fazemos dinheiro do mesmo jeito”, o que levou muita gente a pensar que ele se referia à cantora e compositora britânica Ellie Goulding, com quem foi visto antes do lançamento de “X”. E aí? “Ninguém vai tirar essa resposta de mim”, afirma ele.

Em “X”, Sheeran canta com a alma sobre temas que o acompanharão muito tempo depois de “as multidões se esquecerem do meu nome”. O que isso quer dizer? “Cada um tem sua fração de tempo, que depende do tanto que o público quer te dar. Acho que vou apenas continuar até tudo começar a sumir”, conclui.

Confira alguns hits do álbum “X”: 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo