Festival de Brasília faz homenagem a Glauber Rocha
e Eduardo Coutinho

Por fabiosaraiva
Cena do longa “Ventos de Agosto”, de Gabriel Mascaro | Divulgação Cena do longa “Ventos de Agosto”, de Gabriel Mascaro | Divulgação

Começa nesta terça-feira a 47ª edição do Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, que traz algumas mudanças em relação à última edição.

Este ano, o festival diminui seu número de filmes na mostra competitiva, passando de 30 para 18, na disputa por um prêmio de R$ 250 mil. Outra alteração no evento é seu retorno à formatação original, com a exclusão da mostra de documentários. “Nos filmes modernos, a distinção entre ficção e documentário já não existe mais”, afirma Sara Rocha, coordenadora do festival e neta do diretor baiano Glauber Rocha.

O autor de “Terra em Transe” será um dos homenageados deste ano, com a exibição na abertura, nesta terça, às 20h30, de “Deus e o Diabo na Terra do Sol”. O ator Othon Bastos, protagonista no papel de Corisco, estará presente.

A segunda homenagem é ao cineasta Eduardo Coutinho (1933-2014), com a exibição de sete filmes durante a programação do festival, que será encerrado com a cópia restaurada de “Cabra Marcado para Morrer” (1984).

Assim como aconteceu no ano passado, os filmes pernambucanos dominam a programação e metade dos diretores de longas são de Pernambuco, como Gabriel Mascaro (“Ventos de Agosto”) e Marcelo Pedroso (“Brasil S/A”).

 

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA DO FESTIVAL

DIA 16
20h – Cine Brasília
Cerimônia de abertura, com apresentação de orquestra de câmara, com nove músicos, sob regência do maestro Claudio Cohen, interpretando arranjo armorial para Perseguição (composição de Sérgio Ricardo). Homenagem a Glauber Rocha, com a presença dos filhos Paloma Rocha e Henrique Cavalleiro, do ator Othon Bastos, e exibição de cópia restaurada de Deus e o Diabo na Terra do Sol (1964).

 

DIA 17
10h – Cine Brasília, CG do Gama, Sesc Ceilândia, Teatro da Praça-Taguatinga e Teatro de Sobradinho
Festivalzinho (filmes para crianças), para escolas agendadas – Programação I 14h30 – Museu Nacional da República, auditório II, entrada franca
Seminário – Políticas pública para o audiovisual
com Manoel Rangel (Diretor-presidente da Ancine) e Hamilton Pereira (Secretário de Estado de Cultura do DF).15h30 – Museu Nacional da República, auditório II, entrada franca
Seminário – Financiamento de projetos e novos formatos
Palestrantes: Felipe Vogas (Superintendente de fomento – Ancine) e Mário Borgneth (Secretário do Audiovisual do Ministério da Cultura).16h – Cine Brasília, entrada franca
Mostra Reflexos do Golpe: O caso dos irmãos Naves (1967), de Luiz Sérgio Person. Com Anselmo Duarte, John Herbert, Juca de Oliveira, Raul Cortez, Sérgio Hingst. Ficção, p&b, 85 min, 14 anos.16h – CG do Gama, Sesc Ceilândia, Teatro da Praça de Taguatinga e Teatro de Sobradinho
Mostra Luta na Tela: Quase dois irmãos (2004), de Lúcia Murat. Com Caco Ciocler, Flávio Bauraqui, Werner Schünemann, Antônio Pompêo, Maria Flor. Ficção, cor, 102 min, 16 anos.18h – Museu Nacional da República, auditório I, entrada franca
Mostra Eduardo Coutinho: Santo forte (1998). Documentário, cor, 80 min, 16 anos.19h – Museu Nacional da República, auditório II, entrada franca
Mostra Horizonte Brasil: Porto das Caixas (1962), de Paulo Cezar Saraceni. Com Irma Álvarez, Margarita Rey, Paulo Padilha, Reginaldo Faria. Ficção, p&b, 80 min, 14 anos.20h – Museu Nacional da República, auditório I, entrada franca
Mostra Continente Compartilhado – Coproduções latinas: Artigas – La Redota (Uruguai, Brasil, 2011), de Cesar Charlone. Com Jorge Esmoris, Yamandú Cruz, Franklin Rodríguez, Gualberto Sosa e Rodolfo Sancho. Ficção, cor, 118 min, 14 anos.20h30 – Cine Brasília (R$ 6 e R$ 12)
Mostra competitiva de curta-metragem:Loja de répteis (PE), 2014, de Pedro Severien. Com Fransergio Araujo, Maeve Jinkings, Giordano Castro, Cintia Lima. Ficção, cor, 17 min, 16 anos. Bashar (SP), 2014, de Diogo Faggiano. Com Rami Jarrah Saleh Fekry. Documentário, cor, 18 min, 16 anos.
Mostra competitiva de longa-metragem:Sem pena (SP), 2014, de Eugênio Puppo. Documentário, cor, 87 min, 12 anos.20h30 – CG do Gama, Sesc Ceilândia, Teatro da Praça-Taguatinga e Teatro de Sobradinho, entrada franca
Mostra competitiva de curta-metragem:Loja de répteis (PE), 2014, de Pedro Severien. Bashar (SP), 2014, de Diogo Faggiano. Mostra competitiva de longa-metragem:Sem pena (SP), 2014, de Eugênio Puppo.DIA 18
10h – Cine Brasília, CG do Gama, Sesc Ceilândia, Teatro da Praça-Taguatinga e Teatro de Sobradinho
Festivalzinho (filmes para crianças), para escolas agendadas – Programação II10h – Hotel Mercure Brasília Eixo, Salão Buriti, entrada franca
Debate com as equipes dos filmes em competição exibidos na noite anterior.14h30 – Museu Nacional da República, auditório II, entrada franca
Seminário – Desenvolvimento econômico: produção e exibição
Palestrante: Marcos Tavolari (superintendente de desenvolvimento econômico – Ancine), Adhemar Oliveira (Circuito Itaú de Cinema) e Nilson Rodrigues (Tucuman Distribuidora de Filmes).15h – UnB (Gama), entrada franca mediante apresentação do ingresso do longa Sem pena.
Debate com Eugenio Puppo e equipe.15h – Museu Nacional da República, auditório I, entrada franca: reprise da Mostra Competitiva da noite anterior.16h – Cine Brasília, entrada franca
Mostra Reflexos do Golpe: Macunaíma (1969), de Joaquim Pedro de Andrade. Com Grande Otelo, Paulo José, Dina Sfat, Milton Gonçalves, Jardel Filho, Rodolfo Arena. Ficção, cor, 110 min, 12 anos.16h – CG do Gama, Sesc Ceilândia, Teatro da Praça de Taguatinga e Teatro de Sobradinho
Mostra Luta na Tela: Cabra cega (2005), de Toni Venturi. Com Leonardo Medeiros, Débora Duboc, Jonas Bloch, Michel Bercovitch. Ficção, cor, 107 min, 14 anos.16h30 – Museu Nacional da República, auditório II, entrada franca
Seminário: O papel das TVs públicas e privadas no desenvolvimento de políticas locais
com Paulo Alcoforado (Secretário de políticas de financiamento – Ancine), Eduardo Castro (Diretor Geral EBC) e Ueze Zahran (TV Morena – MT/MS).18h – Cine Brasília, entrada franca
Mostra Brasília:Doce de goiabada (2014), de Fernanda Rocha. Com Lourrany de Oliveira, Maya Silvino, Mallú Moraes, Nara Faria, Guilherme Angelim. Ficção, cor, 13 min, livre. Jogos indígenas (2014), de Thiago Frade e Alexandre Magno. Documentário, cor, 24 min, livre. Submersa (2014), de Lara Campedelli. Com Julieta Zarza, Lara Campedelli, Amanda Dias, Edson Beserra. Ficção, cor, 14 min, 12 anos. Fragmentos (2014), de Adriana Vasconcelos. Com Maze Portugal, André Deca, Davi Uchôa, Júlia Seixas. Ficção, cor, 21 min, 12 anos. Rua J (2014), de Gustavo Serrate. Documentário, cor, 25 min, 16 anos.18h – Museu Nacional da República, auditório I, entrada franca
Mostra Eduardo Coutinho: As canções (2011). Documentário, cor, 92 min, livre.18h30 – CG do Gama, Sesc Ceilândia, Teatro da Praça de Taguatinga e Teatro de Sobradinho, entrada franca
Mostra Brasília: Doce de goiabada (2014), de Fernanda Rocha. Jogos indígenas (2014), de Thiago Frade e Alexandre Magno. Submersa (2014), de Lara Campedelli. Fragmentos (2014), de Adriana Vasconcelos. Rua J (2014), de Gustavo Serrate.19h – Museu Nacional da República, auditório II, entrada franca
Mostra Horizonte Brasil:Juruna, o espírito da floresta (2009), de Armando Lacerda. Documentário, cor, 86 min, 12 anos.20h – Museu Nacional da República, auditório I, entrada franca
Mostra Continente Compartilhado – Coproduções latinas: Romance policial (Brasil, Chile, 2012), de Jorge Durán. Com Daniel de Oliveira, Alvaro Rudolphy, Daniela Ramirez, Roxana Campos, Rogério Fróes. Ficção, cor, 98 min, 14 anos.20h30 – Cine Brasília (R$ 6 e R$ 12)
Mostra competitiva de curta-metragem: Sem coração (PE), 2014, de Nara Normande e Tião. Com Eduarda Samara, Rafael Nicácio, Ricardo Lavenère, Arthur Guilherme, Athur Cavalcanti, Damião Manoel, Marcos Lopes , Manoel Félix, Raphael Victor, Vinícius Fausto, Eules dos Santos, Maxweld, Eduardo Normande, Maeve Jinkings, Maria Eduarda, Vitória Régia, Sabrina Santos. Ficção, cor, 25 min, 14 anos. Crônicas de uma cidade inventada (DF), 2014, de Luísa Caetano. Documentário, cor, 25 min, 16 anos.
Mostra competitiva de longa-metragem:Brasil S/A (PE), 2014, de Marcelo Pedroso. Com Edmilson Silva, Wilma Gomes, Adeilton Nascimento, Giovanna Simões, Marivalda Maria dos Santos, Maracatu Estrela Brilhante. Ficção, cor, 72 min, livre.

20h30 – CG do Gama, Sesc Ceilândia, Teatro da Praça de Taguatinga e Teatro de Sobradinho, entrada gratuita
Mostra competitiva de curta-metragem: Sem coração (PE), 2014, de Nara Normande e Tião. Crônicas de uma cidade inventada (DF), 2014, de Luísa Caetano.
Mostra competitiva de longa-metragem:Brasil S/A (PE), 2014, de Marcelo Pedroso.

 

DIA 19
10h – Cine Brasília, CG do Gama, Sesc Ceilândia, Teatro da Praça-Taguatinga e Teatro de Sobradinho
Festivalzinho (filmes para crianças), para escolas agendadas – Programação I10h – Hotel Mercure Brasília Eixo, Salão Buriti, entrada franca
Debate com as equipes dos filmes em competição exibidos na noite anterior.14h30 – Museu Nacional da República, auditório II, entrada franca
Seminário – Coproduções internacionais: acordos, protocolos e programas
com Eduardo Valente (Assessor internacional da Ancine), Matias Mariani (Primo Filmes) e Vania Catani (Bananeira Filmes).15h – UnB (Planaltina), entrada franca mediante apresentação do ingresso do longa Brasil S/A.
Debate com Marcelo Pedroso e equipe.15h – Museu Nacional da República, auditório I, entrada franca: reprise da Mostra Competitiva da noite anterior.16h – Cine Brasília, entrada franca
Mostra Reflexos do Golpe: Amuleto de Ogum (1974), de Nelson Pereira dos Santos. Com Anecy Rocha, Antônio Carlos de Souza Pereira, Emmanuel Cavalcanti, Francisco Santos, Ilya São Paulo, Jards Macalé, Jofre Soares, José Marinho, Maria Ribeiro, Ney Santanna. Ficção, cor, 112 min, 14 anos.16h – CG do Gama, Sesc Ceilândia, Teatro da Praça de Taguatinga e Teatro de Sobradinho
Mostra Luta na Tela: O ano em que meus pais saíram de férias (2006), de Cao Hamburger. Com Caio Blat, Daniela Piepszyk, Eduardo Moreira, Germano Haiut, Michel Joelsas, Paulo Autran, Rodrigo dos Santos, Simone Spoladore. Ficção, cor, 106 min, 10 anos.18h – Cine Brasília, entrada franca
Mostra Brasília:Meio fio (2014), de Denise Vieira. Com Mychelie Durães e Flávia Andrade. Ficção, cor, 20 min, 10 anos. Relatos de uma mulher varada no amor. Jogo da memória (2014), de Jimi Figueiredo. Com Dalton Vigh, Simônia Queiroz, Vivianne Pasmanter, Flavio Tolezani, Laura Teles Figueiredo, Rosanna Viegas, Murilo Grossi, Juliana Vedovato, Sergio Sartório, André Deca. Ficção, cor, 85 min, 12 anos.18h – Museu Nacional da República, auditório I, entrada franca
Mostra Eduardo Coutinho: Jogo de cena (2007). Com Marília Pêra, Andréa Beltrão Fernanda Torres, Aleta Gomes Vieira. Documentário, cor, 91 min, livre.18h30 – CG do Gama, Sesc Ceilândia, Teatro da Praça de Taguatinga e Teatro de Sobradinho, entrada franca
Mostra Brasília:Meio fio (2014), de Denise Vieira. Jogo da memória (2014), de Jimi Figueiredo.19h – Museu Nacional da República, auditório II, entrada franca
Mostra Horizonte Brasil: Miserias e Grandesas de São José do Rio Preto (1948), de Raul Ramos. Documentário, p&b, 142 min, livre.20h – Museu Nacional da República, auditório I, entrada franca
Mostra Continente Compartilhado – Coproduções latinas: Supernada (Brasil, México, 2012), de Rubens Rewald. Com Marat Descartes, Renata Jesion, Cristiano Karnas, Clarissa Kiste, Jair Rodrigues, Denise Weinberg. Ficção, cor, 94 min, 16 anos.20h30 – Cine Brasília (R$ 6 e R$ 12)
Mostra competitiva de curta-metragem: Vento virado (MG), 2013, de Leonardo Cata Preta. Com Paulo André, Dellani Lima, Cris Fariah, Erik Krog-Pedersen, Maria Martins. Ficção, cor, 21 min, 10 anos. Geru (SP), 2014, de Fábio Baldo e Tico Dias. Com Zé Dias. Documentário, cor, 23 min, livre.
Mostra competitiva de longa-metragem:Pingo d’água (PB), 2014, de Taciano Valério. Com Everaldo Pontes, Jean Claude Bernardet, Dellani Lima, Duda Lopes, Melissa Gava, Paulo Phillipe, Valter Bahia, Verônica Cavalcanti, Thera Blue. Ficção, p&b, 80 min, 16 anos.20h30 – CG do Gama, Sesc Ceilândia, Teatro da Praça de Taguatinga e Teatro de Sobradinho, entrada gratuita
Mostra competitiva de curta-metragem: Vento virado (MG), 2013, de Leonardo Cata Preta. Geru (SP), 2014, de Fábio Baldo e Tico Dias.
Mostra competitiva de longa-metragem:Pingo d’água (PB), 2014, de Taciano Valério.

 

DIA 20
10h – Cine Brasília, CG do Gama, Sesc Ceilândia, Teatro da Praça-Taguatinga e Teatro de Sobradinho

Festivalzinho (filmes para crianças), aberto para o público geral – Programação II10h – Hotel Mercure Brasília Eixo, Salão Buriti, entrada franca
Debate com as equipes dos filmes em competição exibidos na noite anterior.14h30 – Museu Nacional da República, auditório II, entrada franca
Seminário – Os novos rumos do CBC e a políticas do audiovisual no Brasil
com Carla Osório (ABD Capixaba/CBC), Geraldo Moraes (CBC), Edina Fuji (UNINFRA/CBC), André Gatti (SOCINE/CBC), Leopoldo Nunes (CBC) e André Leão (ABD nacional).15h – Universidade Católica (Asa Norte), entrada franca mediante apresentação do ingresso do longa Pingo d’água.
Debate com Taciono Valério e equipe.15h – Museu Nacional da República, auditório I, entrada franca: reprise da Mostra Competitiva da noite anterior.16h – Cine Brasília, entrada franca
Mostra Reflexos do Golpe: Iracema – Uma transa amazônica (1974), de Jorge Bodanzky e Orlando Senna. Com Edna de Cássia, Paulo César Pereio, Conceição Senna, Rose Rodrigues. Ficção, cor, 90 min, 14 anos.16h – CG do Gama, Sesc Ceilândia, Teatro da Praça de Taguatinga e Teatro de Sobradinho
Mostra Luta na Tela: Dossiê Jango (2013), de Paulo Henrique Fontenelle. Com Flávio Tavares, Zelito Viana, Luiz Carlos Barreto, Carlos Lyra, Ferreira Gullar, Leonel Brizola, Carlos Heitor Cony, Miguel Arraes. Documentário, cor, 102 min, 12 anos.16h30 – Museu Nacional da República, auditório II, entrada franca
Seminário – Preservação audiovisual: as interfaces regionais
Com Laura Bezerra (Presidente da Associação Brasileira de Preservação Audiovisual – ABPA), Miriam Paula Manini (Profª Drª do Curso de Arquivologia da Faculdade de Ciência da Informação da Universidade de Brasília), Marta Célia Bezerra Vale  (Superintendente do Arquivo Público do Distrito Federal), Carla Mabel Santos Paula (Conservadora e restauradora do Centro de Documentação e Informação da Câmara dos Deputados) e Prof. João Luiz Vieira (Presidente do Conselho Consultivo do Centro de Pesquisadores do Cinema Brasileiro – CPCB).18h – Cine Brasília, entrada franca
Mostra Brasília:Nara (2014), de Santiago Dellape. Com Nara Albernaz. Documentário, cor, 16 min, 14 anos. Zirig dum Brasília – A arte e o sonho de Renato Matos (2014), de André Luiz Oliveira. Documentário, cor, 76 min, 10 anos.18h – Museu Nacional da República, auditório I, entrada franca
Mostra Eduardo Coutinho: Babilônia 2000 (2000). Documentário, cor, 80 min, 16 anos.18h30 – CG do Gama, Sesc Ceilândia, Teatro da Praça de Taguatinga e Teatro de Sobradinho, entrada franca
Mostra Brasília:Nara (2014), de Santiago Dellape. Zirig dum Brasília – A arte e o sonho de Renato Matos (2014), de André Luiz Oliveira.19h – Museu Nacional da República, auditório II, entrada franca
Mostra Horizonte Brasil: Tudo por amor ao cinema (2014), de Aurélio Michiles. Documentário, cor, 97 min, livre.20h – Museu Nacional da República, auditório I, entrada franca
Mostra Continente Compartilhado – Coproduções latinas: La playa (França, Brasil, Colômbia, 2012), de Juan Andres Arango. Com Luis Carlos Guevara, Jamés Solís, Andrés Murillo, Einer Cotés, Hamilton Quiñones, Teuda Bara. Ficção, cor, 90 min, livre.20h30 – Cine Brasília (R$ 6 e R$ 12)
Mostra competitiva de curta-metragem: Nua por dentro do couro (MA), 2014, de Lucas Sá. Com Gilda Nomacce, Miriã Possani, Lia Gonçalvez de Azevedo, Tais Galindo, Dagma Colomby, Marcela Bueno e Teci Jr. Pereira. Ficção, cor, 21 min, 14 anos. Castillo y el Armado (RS), 2014, de Pedro Harres. Com Ruben Castillo, Pilly Calvin, José Edil, Vinícius Costa, Maurício Gonçalves. Animação, cor, 13 min, 12 anos.
Mostra competitiva de longa-metragem:Branco sai. Preto fica (DF), 2014, de Adirley Queiroz. Com Marquim do Tropa, Shockito, Dilmar Durães, DJ Jamaika e Gleide Firmino. Ficção, cor, 93 min, 12 anos.

20h30 – CG do Gama, Sesc Ceilândia, Teatro da Praça de Taguatinga e Teatro de Sobradinho, entrada gratuita
Mostra competitiva de curta-metragem: Nua por dentro do couro (MA), 2014, de Lucas Sá. Castillo y el Armado (RS), 2014, de Pedro Harres.
Mostra competitiva de longa-metragem:Branco sai. Preto fica (DF), 2014, de Adirley Queiroz.

 

DIA 21
10h – Cine Brasília, CG do Gama, Sesc Ceilândia, Teatro da Praça-Taguatinga e Teatro de Sobradinho
Festivalzinho (filmes para crianças), aberto para o público geral – Programação I10h – Hotel Mercure Brasília Eixo, Salão Buriti, entrada franca
Debate com as equipes dos filmes em competição exibidos na noite anterior.14h30 – Museu Nacional da República, auditório II, entrada franca
Exibição do curta-metragem Le téléphone (1958), de Eduardo Coutinho, do longa-metragem Apartamento 608 (2009), de Beth Formaggini, e do curta Sobreviventes de Galileia (2013).15h – Biblioteca Nacional, auditório (2º andar), entrada franca mediante apresentação do ingresso de Branco sai. Preto fica.
Debate com Adirley Queiroz e equipe.15h – Museu Nacional da República, auditório I, entrada franca: reprise da Mostra Competitiva da noite anterior.16h – Museu Nacional da República, auditório II, entrada franca
Seminário em homenagem a Eduardo Coutinho
com Luiz Zanin Oricchio, Jean Claude Bernardet, Beth Formaggini, Milton Ohata, Carlos Nader e Zelito Viana.16h – Cine Brasília, entrada franca
Mostra Reflexos do Golpe: Bye bye Brasil (1979), de Cacá Diegues. Com José Wilker, Bety Faria, Fábio Júnior, Zaira Zambelli, Jofre Soares. Ficção, cor, 105 min, 14 anos.16h – CG do Gama, Sesc Ceilândia, Teatro da Praça de Taguatinga e Teatro de Sobradinho
Mostra Luta na Tela: Ação entre amigos (1998), de Beto Brant. Com Leonardo Villar, Zecarlos Machado, Cacá Amaral, Carlos Meceni, Genésio de Barros. Ficção, cor, 76 min, 14 anos.18h – Museu Nacional da República, auditório II, entrada franca
Lançamento do livroEduardo Coutinho, de Milton Ohata.18h – Museu Nacional da República, auditório I, entrada franca
Mostra Eduardo Coutinho: O fim e princípio (2005). Documentário, cor, 110 min, livre.18h – Cine Brasília, entrada franca
Mostra Brasília: Curió (2014), de Tiago de Aragão. Documentário, cor, 19min, livre. Ácido acético (2014), de Fáuston da Silva. Com Tiago Soares, Lukas Barros, Antônio Carlos Nunes, Rivson Araújo, Anderson Carlos, Deise Luci, Rosa Vasconcelos. Ficção, cor, 15 min, livre. Cine Drive-in – Cinema sob o céu (2014), de Claudio Moraes. Documentário, cor, 20 min, livre. Querido capricórnio (2014), de Amanda Devulsky. Com Klarah Lobato e Tulio Starling. Ficção, cor, 12 min, livre. Crônicas de uma cidade inventada (2014), de Luísa Caetano. Documentário, cor, 25 min, 16 anos.18h30 – CG do Gama, Sesc Ceilândia, Teatro da Praça de Taguatinga e Teatro de Sobradinho, entrada franca
Mostra Brasília:Curió (2014), de Tiago de Aragão. Ácido acético (2014), de Fáuston da Silva. Com Tiago Soares, Lukas Barros, Antônio Carlos Nunes, Rivson Araújo, Anderson Carlos, Deise Luci, Rosa Vasconcelos. Ficção, cor, 15 min, livre. Cine Drive-in – Cinema sob o céu (2014), de Claudio Moraes. Documentário, cor, 20 min, livre. Querido capricórnio (2014), de Amanda Devulsky. Com Klarah Lobato e Tulio Starling. Ficção, cor, 12 min, livre. Crônicas de uma cidade inventada (2014), de Luísa Caetano. Documentário, cor, 25 min, 16 anos.19h – Museu Nacional da República, auditório II, entrada franca
Mostra Horizonte Brasil: Eduardo Coutinho, 7 de outubro (2013), de Carlos Nader. Documentário, cor, 60 min, 12 anos.20h – Museu Nacional da República, auditório I, entrada franca
Mostra Continente Compartilhado – Coproduções latinas: Histórias que só existem quando lembradas (Argentina, França, Brasil, 2012), de Julia Murat. Com Antônio dos Santos, Elias dos Santos, Evanilde Souza, Julião Rosa, Lisa E. Fávero. Ficção, 98 min, 12 anos.

20h30 – Cine Brasília (R$ 6 e R$ 12)
Mostra competitiva de curta-metragem: B-Flat (SP), 2013, de Mariana Youssef. Com Romil Modi, Deepak Dhadwal, Utkarsh Mazumdar. Ficção, cor, 24 min, livre. Luz (RJ), 2014, de Gabriel Medeiros. Documentário, cor, 25 min, livre.
Mostra competitiva de longa-metragem:Ventos de agosto (PE), 2014, de Gabriel Mascaro. Com Geová Manoel dos Santos, Dandara de Morais, Antônio José dos Santos, Maria Salvino dos Santos, Rachel Ellis. Documentário, cor, 77 min, 14 anos.

20h30 – CG do Gama, Sesc Ceilândia, Teatro da Praça de Taguatinga e Teatro de Sobradinho, entrada gratuita
Mostra competitiva de curta-metragem: B-Flat (SP), 2013, de Mariana Youssef. Luz (RJ), 2014, de Gabriel Medeiros.
Mostra competitiva de longa-metragem:Ventos de agosto (PE), 2014, de Gabriel Mascaro.

 


DIA 22
10h – Cine Brasília, CG do Gama, Sesc Ceilândia, Teatro da Praça-Taguatinga e Teatro de Sobradinho
Festivalzinho (filmes para crianças), para escolas agendadas. Programação II10h – Hotel Mercure Brasília Eixo, Salão Buriti, entrada franca
Debate com as equipes dos filmes em competição exibidos na noite anterior.10h – Biblioteca Nacional, auditório (2º andar), entrada franca
Seminário: Encontro da regional centro-oeste/norte da EBC com a produção independente
com Walter Silveira (Superintendente Regional centro-oeste/Norte da EBC) e Samantha Ribeiro (Gerente de licenciamentos nacionais)14h – Museu Nacional da República, auditório II, entrada franca
Seminário: Anúncio do convênio para o fomento da atividade cineclubista no DF
com Hamilton Pereira (Secretário de Estado de Cultura do DF), Marcelo Aguiar (Secretário de Estado de Educação do DF) e Ana Arruda (Projeto EnCine – Cineclubismo e Educação).14h – UnB (Asa Norte), entrada franca
Seminário: Galáxia virtual
com Rodrigo Merheb, Andrea Ormond, Dalila Martins (Cinética) e Pedro Butcher (Filme B).15h – Museu Nacional da República, auditório II, entrada franca
Seminário: Cineclubismo no DF – O cinema nas escolas/ Alternativas para distribuição e exibição de obras audiovisuais nas regiões do DF
com Miguel Ribeiro (Secretário-adjunto de Estado e Cultura do DF), Ana Arruda (Curta Brasília), Adriano de Ângelis (Colegiado Setorial do Audiovisual), Vladimir Carvalho (Fundação Cinememória), Jaci Pena (Secretário-adjunto de Estado de Educação do DF), Pablo Feitosa e Viviane Calazans (União de Cineclubes do DF – UCDF).15h – UnB (Ceilândia), entrada franca mediante apresentação do ingresso do longa Ventos de agosto.
Debate com Gabriel Mascaro e equipe.15h – Museu Nacional da República, auditório I, entrada franca: reprise da Mostra Competitiva da noite anterior.16h – UnB (Asa Norte), entrada franca
Seminário: Tendências do cinema brasileiro contemporâneo
com Dellani Lima, Jean Claude Bernardet, Marcelo Ikeda e Clarissa Ramalho.16h – Cine Brasília, entrada franca
Mostra Reflexos do Golpe: Eles não usam black-tie (1981), de Leon Hirszman. Com Gianfrancesco Guarnieri, Fernanda Montenegro, Carlos Alberto Riccelli, Bete Mendes, Lélia Abramo, Milton Gonçalves, Rafael de Carvalho. Ficção, cor, 120 min, 14 anos.16h – CG do Gama, Sesc Ceilândia, Teatro da Praça de Taguatinga e Teatro de Sobradinho
Mostra Luta na Tela: Hoje (2011), de Tata Amaral. Com Denise Fraga e César Troncoso. Ficção, cor, 90 min, 16 anos.17h – Museu Nacional da República, auditório II, entrada franca
Seminário: Políticas públicas
com Leopoldo Nunes, Gleciara Ramos (Conselho Nacional de Cineclubes), Frederico Cardoso, Rodrigo Bouillet e Miguel Ribeiro.18h – Museu Nacional da República, auditório I, entrada franca
Mostra Eduardo Coutinho: Edifício Master (2002). Documentário, cor, 110 min, 12 anos.18h – Cine Brasília, entrada franca
Mostra Brasília:À mão armada (2014), de Afonso Serpa. Com Pedro Mesquita, Iza Cavanellas, Guilherme Ferrugem, Ramon Lima, Kael Studart, Marcos Davi, Fernando Carvalho, Paulo Victor Gandra. Animação, cor, 11 min, 16 anos. Branco sai. Preto fica (2014), de Adirley Queirós. Com Marquim do Tropa, Shockito, Diomar Duraes, DJ Jamaika, Gleide Firmino. Documentário, cor, 93 min, 12 anos.

18h30 – CG do Gama, Sesc Ceilândia, Teatro da Praça de Taguatinga e Teatro de Sobradinho, entrada franca
Mostra Brasília: À mão armada (2014), de Afonso Serpa. Branco sai. Preto fica (2014), de Adirley Queirós.

19h – Museu Nacional da República, auditório II, entrada franca
Mostra Horizonte Brasil: Paixão e virtude (2014), de Ricardo Miranda. Com Rose Abdallah, Paulo Azevedo, Barbara Vida, Helena Ignez, Octavio III, Mariana Fausto, Cátia Costa. Ficção, cor, 72 min, 18 anos.

20h – Museu Nacional da República, auditório I, entrada franca
Mostra Continente Compartilhado – Coproduções latinas: Habi, a estrangeira, de Maria Florencia Alvarez (Argentina, Brasil, 2013). Com Diego Velázquez, Lucía Alfonsín, Maria Luísa Mendonça, Martín Slipak, Martina Juncadella. Ficção, 92 min, 10 anos.

20h30 – Cine Brasília (R$ 6 e R$ 12)
Mostra competitiva de curta-metragem: Estátua! (SP), 2014, de Gabriela Amaral Almeida. Com Maeve Jinkings, Cecilia Toledo, Clarissa Kiste. Ficção, cor, 24min, 14 anos. La llamada (SP), 2014, de Gustavo Vinagre. Com Lázaro Escarze e Alexei (Pacolo) Hernández. Documentário, p&b, 19 min, livre.
Mostra competitiva de longa-metragem:Ela volta na quinta (MG), 2014, de André Novais. Com Maria José Novais Oliveira, Norberto Novais Oliveira, André Novais Oliveira, Renato Novais Oliveira, Élida Silpe, Carla Patrícia. Ficção, cor, 118 min, livre.

20h30 – CG do Gama, Sesc Ceilândia, Teatro da Praça de Taguatinga e Teatro de Sobradinho, entrada gratuita
Mostra competitiva de curta-metragem: Estátua! (SP), 2014, de Gabriela Amaral Almeida. La llamada (SP), 2014.
Mostra competitiva de longa-metragem:Ela volta na quinta (MG), 2014, de André Novais.

 

DIA 23
10h – Hotel Mercure Brasília Eixo, Salão Buriti, entrada franca
Debate com as equipes dos filmes em competição exibidos na noite anterior.14h30 – UnB (Asa Norte)
Seminário: O cinema que diz não: meio século de resistência
com Luiz Zanin Oricchio, Zelito Viana, Tata Amaral e Luiz Carlos Barreto.
É necessário apresentar pelo menos um ingresso da mostra Reflexos do Golpe ou Luta na Tela para receber o certificado desta atividade.14h30 – Museu Nacional da República, auditório II, entrada franca
Seminário: Encontro do Colegiado Setorial Audiovisual do DF – Plano de ação 2015
com Adriano de Ângelis (Coordenador do Colegiado Setorial de Audiovisual do DF e representante da Câmara Transversal de Criação, Inovação e Novas tecnologias), Dorival Brandão Neto (Subsecretário de políticas e promoções culturais), Ana Arruda (representante da Câmara Transversal de Circulação, Comunicação, Difusão e Fruição), André Muniz Leão (representante da Associação Brasileira de Documentaristas ABD-DF, representante do audiovisual no Conselho de Cultura do DF e representante da Câmara Transversal de Educação, Formação, Capacitação e Pesquisa), Helenise Brant (representante da Câmara Transversal de História, Memória e Patrimônio), João Freire (representante da Câmara Transversal de Produção, Infraestrutura e Serviços), Norlan Silva (representante da Associação Brasilienses de Cinema e Vídeo ABCV), Marcus Ligocki (representante da Associação de Produtores e Realizadores de Filmes de Longa-Metragem de Brasília APROCINE), Pablo Feitoza (representante da União de Cineclubes do DF UCDF) e Leonardo Hernandes (subsecretário de fomento e representante do governo no Colegiado Setorial do Audiovisual do DF).15h – Museu Nacional da República, auditório I, entrada franca: reprise da Mostra Competitiva da noite anterior.15h – UnB (Ceilândia), entrada franca mediante apresentação do ingresso do longa Ela volta na quinta. Debate com André Novais Oliveira e equipe.

20h – Cine Brasília, para convidados – cerimônia de encerramento com exibição de cópia restaurada do filme Cabra marcado para morrer (1984), de Eduardo Coutinho, e premiação.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo