Retrospectiva relembra vida e obra de Zuzu Angel

Por Tercio Braga
Criações da estilista ocupam o Itaú Cultural | Gilvan Barreto/Divulgação Criações da estilista ocupam o Itaú Cultural | Gilvan Barreto/Divulgação

Zuzu Angel foi uma estilista de vários predicados. Determinada e à frente de seu tempo, criou não apenas sua própria grife sozinha, mas soube transformá-la em marca valorizada e com penetração no exterior já nos anos 1970. Essa, no entanto, é apenas uma das facetas exploradas pela Ocupação Zuzu Angel, que abre nesta terça-feira no Itaú Cultural.

A data – que marca o aniversário de 50 anos da instalação do regime militar no Brasil – não é à toa. A estilista se tornou ícone da busca por desaparecidos políticos no país ao usar sua influência, sua moda e sua voz na briga por pistas do paradeiro de seu filho Stuart, militante do MR8 “sumido” em 1971 e que, na verdade, foi preso, torturado e morto pela ditadura.

Esse aspecto da vida de Zuzu, que marcou profundamente sua obra, é o fio condutor da exposição, que reúne 400 itens em torno da biografia e da criação da designer. Foi no intervalo entre o desaparecimento do filho e sua própria morte, aos 54 anos, em 1976, em um suspeito acidente de carro no Rio, que ela teve sua produção mais ativa.

servico zuzu angelCom curadoria de Itaú Cultural, Valdy Lopes Jr. e Hildegard Angel – jornalista e filha de Zuzu –, a Ocupação foi instalada nos três andares do prédio. Pelos pavimentos estão espalhados 40 looks criados por ela, como vestidos de noiva e trajes usados em um polêmico desfile-protesto realizado por ela em Nova York. Também se incluem aí peças utilizadas pela própria durante o luto do filho, que contrastavam com o jogo de cores adotado em suas coleções. Há ainda cartas em que ela clama por Stuart, como as escritas ao secretário do Estado americano, Henry Kissinger, e ao compositor Chico Buarque.

Dentro da programação paralela do evento, que inclui mostra de filmes e minicurso sobre história e moda, a São Paulo Fashion Week sedia amanhã um desfile-performance em que modelos e atrizes vão ler trechos de cartas de Zuzu vestidas em réplicas de suas criações. 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo