Seminário vai discutir a vida noturna de São Paulo

Por Caio Cuccino Teixeira

Característica marcante de São Paulo, as agitações noturnas da cidade vão ganhar um grupo de estudo a partir desta terça-feira com o Seminário da Noite Paulistana (colaboratorio.art.br/seminariodanoite).

Organizado pelo CoLaboratório, o evento propõe uma reflexão sobre a noite e tudo o que a envolve, como movimentação econômica, questões culturais, sociais e turísticas, além do transporte.

“Não temos a pretensão de resolver problemas, mas colocar as questões em discussão”, explica Baixo Ribeiro, um dos organizadores. “O seminário vai ajudar a criar novas fontes de pesquisa. Assim, a gente não fica em uma conversa de cegos e surdos e, com dados mais sólidos, começamos a sistematizar melhor uma diretriz para o tema”, analisa.

Com apoio da Secretaria de Cultura da Cidade, o evento vai realizar debates abertos ao público até quinta-feira, na Biblioteca Mário de Andrade (r. da Consolação, 94, tel.: 3775-0002; a partir das 14h; grátis). Entre os convidados estão o chef brasileiro Alex Atala, o sociólogo canadense William Straw, PhD em Comunicação e diretor da Universidade McGill, e o holandês Mirik Milan, prefeito da Noite de Amsterdã, entre outros nomes.

Loading...
Revisa el siguiente artículo