Festival Internacional de Curtas traz 400 filmes de 50 países

Por fabiosaraiva
Divulgação Imagem da animação “O Ovo da Alegria” | Divulgação

Cada vez mais atualizado com as principais produções lançadas nos últimos anos, o Festival Internacional de Curtas-Metragens começa sua vigésima quarta edição nesta quinta-feira e segue até o dia 30 deste mês.

Com 412 filmes e exibições gratuitas, sobra destaque para a produção nacional, que será representada por 58 curtas. Um deles é o achado “Jimi Gogh”, criado por um grupo de universitários na década de 1970, entre eles, o músico Arnaldo Antunes. Produção que também merece atenção é “O Pacote”, de Rafael Aidar, que participou da série “Panorama” do Festival de Berlim. Outro programa da mostra é a “Semana da Crítica do Festival de Cannes”, que será exibido na íntegra com os dez curtas selecionados pelos críticos da edição de 2013.

Dentro da mostra acontece a programação “Tomada Única”, que vai exibir fitas de três minutos em película criadas por realizadores brasileiros, como a documentarista Claudia Priscilla e o diretor e roteirista Hilton Lacerda. “O Super-8 representou nos anos 1970 o que o digital é hoje. Uma democratização da produção”, comentou Zita Carvalhosa, diretora do festival.

Filmes internacionais com forte representação também serão exibidos no festival. Fique de olho no intenso “Glória Vitória”, de Theodore Ushev, que mostra artes sobre batalhas de Dresden e Guernica, recortadas e embaladas pela Sinfonia de Leningrado, de Shostakovich. Veja ainda “A Massa dos Homens”, de Gabriel Gauchet, vencedor do Leopardo de Ouro no Festival de Locarno do ano passado.

As sessões acontecem no MIS-SP, CineSesc, Espaço Itaú Augusta, Cinemateca Brasileira, Cine Olido, Centro Cultural São Paulo e Cinusp. A programação completa e os endereços podem ser vistos no site kinoforum.org.br/curtas/2013.

Loading...
Revisa el siguiente artículo