Vacina contra a covid-19 desenvolvida no Reino Unido será testada no Brasil

Por Metro Jornal

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou nesta terça-feira (2) os testes clínicos de uma vacina desenvolvida Universidade de Oxford, no Reino Unido. A Anvisa explica que para realizar os testes os fabricantes precisam de autorização dos CEPs (Comitês de Ética em Pesquisa) ou da Conep (Comissão Nacional de Ética em Pesquisa).

"Os estudos iniciais não clínicos em animais e os estudos clínicos de fase 1 em humanos para avaliar a segurança da vacina foram realizados na Inglaterra e os resultados demonstraram que o seu perfil de segurança foi aceitável", explicou a agência em nota oficial.

A vacina da Universidade de Oxford entrou na terceira fase de testes clínicos e deverá ser aplicada em pelo menos 10 mil pessoas em todo o mundo. Segundo o Ministério da Saúde, no Brasil, o teste acontecerá em 2 mil voluntários em junho. Serão testados pessoas que não tiveram contato com o novo coronavírus, em São Paulo e no Rio de Janeiro.

Loading...
Revisa el siguiente artículo