Meghan Markle e Harry enviam dicas para combater a ansiedade em quarentena

Por Metro Jornal

A quarentena de coronavírus, na qual muitos países estão sujeitos, não afeta apenas nossas relações pessoais e de rotina, mas também afeta o humor das pessoas, e podem surgir ansiedade e depressão. Nesse contexto, Meghan Markle e Harry estão preocupados com a saúde mental da sociedade e falaram sobre isso em seu perfil no Instagram.

Meghan Markle e príncipe Harry se preocupam com saúde mental em quarentena

"Com tudo o que acontece, há muito a assimilar. Muitos de nós podem se sentir confusos. Sozinhos, ansiosos ou assustados … e isolados. Alguns de nós podem se sentir entediados ou sem sabe o que fazer sem sua rotina. É perfeitamente normal sentir alguma dessas coisas ", explicaram no post.

View this post on Instagram

With everything going on, it’s a lot to take in. Many of us may feel confused. Or alone, or anxious or scared…and in isolation, some of us may just feel bored, or that you don’t know what to do with yourself without your normal routine. It’s perfectly normal to be feeling any of these things. Our emotional well-being is challenged everyday whether we realise it or not, but our lives are usually filled with distractions. Now with constantly changing COVID coverage, we are all adjusting to this new normal and the feelings that come with it. But here’s the good thing (because right now we need to hear good things, right?): Yes, there is isolation and physical distancing, but there doesn’t have to be loneliness. There are resources that can help us all through this process, and ways that YOU can become one of those resources. @crisistextline @giveusashoutinsta @kidshelpphone and CTL Ireland are organisations that need new volunteers now more than ever and have an open door for you to get the support you need. • – If you’re home and feeling bored, you can digitally train to be a counselor and HELP someone who really needs your support! What an amazing way to use this time • – If you feel alone, overwhelmed, depressed, or anxious, you can text one of these lines and talk it through. • – If you are in an abusive relationship and now find yourself in isolation with your abuser, these counselors are there for you. You do not need to suffer in silence. And for those of you who don’t feel comfortable texting with a stranger, reach out to your friends, family and colleagues. Phone calls and video conferencing are such a great way to feel more connected – ask if they’re okay, tell them how you’re (actually) feeling, and use this time to really listen for the answer. If there is someone you know and are worried about, your text may be the thing that saves their life.

A post shared by The Duke and Duchess of Sussex (@sussexroyal) on

Eles afirmaram que, embora o bem-estar emocional devido ao distanciamento possa ser afetado, você não precisa se sentir sozinho e eles propuseram várias opções.

O casal apresentou três organizações no Reino Unido que podem ajudar as pessoas a lidar com a ansiedade, como @CrisisTextLine, onde as pessoas podem falar o que acontece com elas por mensagem de texto. Há também o Shout UK, na qual é possível enviar mensagens de texto e contar o que está acontecendo com você e o que sente.

Eles também ofereceram estas dicas:

  • É muito importante conversar com um amigo ou membro da família se você tiver uma sensação de solidão em casa ou muita ansiedade e não souber o que fazer para eliminá-la.
  • "Se você está em um relacionamento abusivo e agora se vê isolado com o agressor, procure ajuda", enfatizaram.
  • "Telefonemas e videoconferência são uma ótima maneira de se sentir mais conectado: pergunte a seus amigos e familiares se eles estão bem, diga a eles como você se sente e aproveite esse tempo para realmente ouvir a resposta".

Fonte: Nueva Mujer.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo