‘Vão ter de aturar’

Por fabiosaraiva

rose-guglielminettiMesmo sem serem convidados, a partir de hoje os candidatos invadem a casa de milhares de brasileiros tanto de manhã quanto à noite. O horário eleitoral estará no ar e com ele os políticos vão aparecer bonitos, inteligentes e irão se vender como os salvadores da pátria. O melhor dos mundos será oferecido por eles. Claro, que tudo isso, feito por mãos de publicitários mágicos que recebem fortunas para “vender” e eleger o seu candidato.

E neste ano o primeiro programa deverá ter uma audiência maior, já que o do PSB vai ao ar sem que o partido tenha batido o martelo sobre a chapa majoritária que substituirá Eduardo Campos, candidato à Presidência do PSB, enterrado ontem em Pernambuco. A ex-ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, deverá substituir Campos. Porém, ouvi de um político experiente de Campinas que o PSB pode repetir a história do PSDB de Campinas quando da morte de Magalhães Teixeira (PSDB). A disputa pelo poder entre os tucanos campineiros enfraqueceu o partido internamente tanto que até hoje não conseguiu emplacar um nome do PSDB como chefe do Executivo campineiro. A melhor solução para o PSD diz esse político é oficializar Marina como cabeça de chapa.

Assessores também 

O vereador Pedro Tourinho (PT) apresentou uma emenda e quer que os assessores da prefeitura também tenham os nomes e os horários de trabalho publicados na internet, assim como quer o vereador Zé Carlos (SDD) para os médicos. A proposta tramita na Câmara e deverá muita polêmica. No âmago está o controle pela presença dos servidores no ambiente de trabalho.

Rose Guglielminetti escreve no Metro Jornal de Campinas

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo