Hotelaria

Por fabiosaraiva

20140218_SP13_Joao-FariaOs hotéis estão na mídia para chamar atenção dos seus diferentes públicos. Conheça as estratégias de comunicação do setor na entrevista com Daniela Pistone, executiva de publicidade da Accor.

Como fazer a diferença na hotelaria?

A experiência em um hotel não está somente ao usufruir do produto. Hoje o cliente, seja na hotelaria ou em qualquer outro tipo de serviço, busca uma identificação, um contato emocional com a marca. O marketing nesse segmento deve ser 360º, ou seja, abranger tanto os atributos funcionais do produto – no caso da hotelaria, um bom atendimento, boa cama, bom chuveiro, bom restaurante, instalações modernas e confortáveis etc – como também a experiência emocional no contato com a marca, como as campanhas publicitárias, ações inovadoras, conteúdos relevantes nas redes sociais, compartilhamento de experiências.

 

E as estratégias utilizadas?

A comunicação começa no primeiro contato com a marca, que pode ser em seu site, no atendimento telefônico, em uma rede social, ao ser impactado por um anúncio, em uma matéria em veículos de comunicação ou até mesmo no próprio hotel. A estratégia do Ibis se destaca no segmento, uma vez que englobamos todos esses pontos de contato: trabalhamos profundamente em cada um desses itens com profissionais especializados de cada área procurando inovar na forma de comunicar, seja por meio de aplicativos diferenciados ou em comunicações simples mostrando ao cliente não apenas o fato de que no Ibis se dorme bem, mas, principalmente, que no Ibis é garantido ter uma hospedagem feliz e tranquila. Um exemplo é a campanha em que pessoas dormiam sorrindo nos quartos da marca, lançamos um aplicativo que fazia uma pintura baseada no seu sono e, agora, lançamos o desafio Ibis expedition, onde mostramos que até mesmo na beira de um penhasco é possível ter uma boa noite de sono com a nova cama da marca, a Sweet Bed by Ibis, algo nunca visto no mercado hoteleiro.

 

E para mostrar que o hotel cabe no bolso?

Temos uma segmentação muito clara, definida e posicionada no mercado, já que devemos refletir a proposta de cada uma das marcas. No segmento econômico, a Accor tem as marcas Ibis, Ibis Styles e Ibis budget, que têm propostas diferentes uma das outras e essa diferença não é necessariamente para quem quer economizar mais ou menos, trata-se do momento que a pessoa está vivendo, ou seja, o que cabe no bolso está totalmente relacionado ao que a pessoa está planejando para aquela ocasião, seja lazer ou trabalho.

João Faria é jornalista e sócio-diretor da Agência Cidadã. João Faria escreve no Metro São Paulo.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo