Já que é sexta...

Por Lara Novelli

Vamos fazer infusão com cachaça. E vamos chamar cachaça pelo nome, sem apelidos pejorativos, por favor! Já vi muitos olhos se arregalarem ao pedido de uma dose de cachaça, mas é puro preconceito. É encantador apreciar os aromas, as diferenças entre as produções… gosto muito deste destilado cheio de sabores e brasilidades. Foi interessante descobrir no Instagram que a Cachaça Colombina não só está fazendo cem anos, como está publicando uma série muito interessante, com o bartender Filipe Brasil dando receitas de infusões. Tem de coco queimado com café, de endro  com estragão, morango com pimenta da Jamaica e por aí vai, serão 12 ao todo. Preparar infusões é uma aventura a mais para quem gosta do mundo das coqueteleiras. Vão bem como ingrediente para coquetéis ou num shot, para os mais raiz.

Basicamente, infusão é a imersão de um ingrediente sólido aromático em líquido. Se há limites para a imaginação e criatividade no preparo? Sim! Cuidado para não escolher algum ingrediente tóxico, abortivo, hemorrágico, irritante para as mucosas do trato digestivo (quem não experimentou o encanto aterrorizante das garrafas habitadas por cobras e caranguejos flutuantes em cachaça neste Brasil profundo?). Pesquise antes de usar um aromático que não faça parte do seu cardápio habitual, um Google já ajuda nisso.

Filipe preparou uma infusão e um drinque pra gente:

Infusão cítrica:

  • 1 colher de sopa de sementes de coentro
  • 1 pedaço de casca de mais ou menos 15cm de limão siciliano, de limão taiti e de laranja Bahia, com o mínimo da parte branca possível (se não conseguir descascar bem fino, raspe delicadamente a parte branca com uma faquinha).

Coloque tudo isso em uma garrafa e complete com 700 ml de cachaça de boa qualidade branca. Se quiser fazer metade para experimentar, é só manter a proporção de tudo.

Importante usar uma garrafa do tamanho adequado para não sobrar muito espaço com ar dentro (quanto mais cheia ficar, melhor).

Deixe curtir por quatro ou cinco dias, até pegar cor. Coe, coloque em uma garrafa limpa e guarde em lugar sem luz direta. Pronto, você já tem a infusão.

Agora o drinque: Colombina cítrica

  • 30ml de infusão cítrica
  • 15ml de suco de limão siciliano
  • 150ml de tônica

Num copo longo com bastante gelo misture delicadamente a infusão, o suco de limão e a tônica. Decore com rodela de limão siciliano e fatia de laranja Bahia.


Lara De Novelli é jornalista e cozinheira formada pelo Senac no curso Cozinheiro Chef Internacional, adora um fogão e é um ótimo garfo.
Quando quiser falar comigo, [email protected] ou Instagram: @laradenovelli

Loading...
Revisa el siguiente artículo