Resgate de animais

Por Ana Luiza Freitas

Centenas de cobras, jacarés, gambás, cães, gatos, macacos e até abelhas e marimbondos foram encontrados na área da ArcelorMittal Tubarão, em 2018, e recolhidos pela equipe de bombeiros da empresa. Na lista entram, ainda, porco-espinho, pássaros, lagarto, tartarugas, raposa e morcego. Após a captura, todos esses animais são soltos em áreas naturais mais adequadas, algumas vezes dentro da própria usina, que possui amplo cinturão verde, com mais de 35 mil metros quadrados e 2,6 milhões de árvores, fazendo da empresa um grande e verde reduto natural de espécies da fauna e flora diversas.

Beleza sustentável

A sustentabilidade chegou com força total no mercado de beleza. Grandes marcas estão aderindo a fórmulas menos agressivas em seus produtos e incentivando a reciclagem. É o caso do Boticário, que já possui 30% do seu portfólio de maquiagem com itens veganos e quer expandir esse número. “Estamos em um movimento crescente de substituição de matérias-primas de origem animal para vegetal, mineral, biotecnológica ou sintética”, afirma o diretor de Marketing do Boticário, Alexandre Bouza.

parques capacitam voluntários

Os parques estaduais de Forno Grande, em Castelo; Pedra Azul, em Domingos Martins; e Cachoeira da Fumaça, em Alegre, são palco do Programa de Voluntariado em Unidades de Conservação. Com inscrições abertas, o programa capacita voluntários para atendimento aos turistas, sensibilização dos visitantes quanto à consciência ecológica em unidades de conservação do Iema (Instituto Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos). Qualquer cidadão com mais de 18 anos pode se inscrever. Mais informações pelo site: iema.es.gov.br.

Contenido Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo