Energia que vem do lixo

Por Ana Luiza Freitas

A Marca Ambiental irá produzir energia limpa, por meio do biogás, a partir do ano que vem. A captação do biogás será feita por dutos verticais e, após um processo de purificação em uma usina com até cinco motogeradores, irá gerar 5MW/h, quantidade suficiente para abastecer cerca de 20 mil residências. A Marca Ambiental recolhe 1.200 toneladas/dia de resíduos, sendo 53% de resíduo orgânico, de onde é possível produzir o biogás.

Troca sustentável

Se 60% da população de Vitória que utiliza carros deixasse os veículos em casa para pegar ônibus, a emissão de dióxido de carbono diminuiria em 23% e o uso do espaço nas vias em 43%. Esses são dados da ANTP (Associação Nacional de Transportes Públicos) e destacam a importância dos coletivos. “A todo o momento pensamos em uma forma dos ônibus terem preferência na via”, destacou Jaime de Angeli, do Setpes (Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado do Espírito Santo).

33% da produção de PET da Ambev já é feita de material reciclado

A Cervejaria Ambev, dona das marcas Skol, Brahma, Antarctica e Guaraná, deixou de produzir mais de 1,9 bilhão de garrafas PET nos últimos seis anos. Com isso, mais de 94 mil toneladas de material virgem foram poupados de entrar em circulação, um montante equivalente ao lixo gerado por mais de 245 mil pessoas em um ano. Abrindo espaço para garrafas feitas de material reciclado.

Contenido Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo