Eleições: o que interfere em meu emprego?

Por Vânia Goulart

Esta pergunta tem sido recorrente em meu blog. Muitas pessoas me questionam sobre como se portar nas eleições. Quais são os benefícios e as desvantagens de manifestar suas preferências? Alguns mais exaltados são repreendidos ou até demitidos e a razão: discussão partidária. Estamos em um ano de eleições. Esse tema fica muito relevante e recomendo cuidar de alguns pontos para não prejudicar sua carreira.

Legalmente, não se pode discriminar preferências partidárias, mas considero muito prudente evitar essas discussões e, principalmente, embates ou tomada de decisões profissionais baseadas em preferências partidárias.

É importante esclarecer que trabalhar em uma empresa cujos valores são alinhados aos seus favorece sua rotina diária. Sua produção fica mais efetiva, somando positivamente para sua carreira. No entanto, isso não significa que todos precisam fazer a mesma escolha partidária e política.

As escolhas políticas afetam as políticas públicas e o mercado financeiro. Isso é uma realidade, mas não deve afetar suas relações e seu desenvolvimento na empresa.

Em ano de eleições, especialmente em ano de eleição para presidente, as empresas restringem seus investimentos e aguardam a definição do pleito para ter certeza das suas estratégias. Assim como as empresas, você também precisa ser prudente.

Faça suas escolhas e seja responsável, mas tenha muito cuidado com as discussões, pois elas não irão te ajudar. Respeitar a diversidade é uma exigência para o crescimento pessoal e profissional. O desafio vem da diferença! É assim que se cresce.

Procure ouvir e compreender as opiniões dos outros, para assim poder expor sua opinião ou até mesmo modifica-la, caso sinta-se confortável. O mais importante é estar aberto ao diálogo! Isso com certeza irá interferir positivamente em sua carreira.

Contenido Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo