Sombra e escuridão

O Brasil parou. Na ineficácia de um sistema político onde se roubou demais, prevaricou demais, onde se confundiu o dinheiro público, seu dinheiro, do privado, o deles mais o seu.

Os caminhoneiros não pararam o país. Quem parou foram os ladrões de sempre. Gente disfarçada de político e não é, gente que rouba o BNDES com o pretexto de ser empresário e não é. O bom empresário tem que suar sangue para conseguir um empréstimo desse banco estatal.

A crise do petróleo expôs uma fratura terrível na Petrobras, usada e abusada por malandro da Lava Jato, do caixa dois de campanha. Gente que sangrou a pátria jogando na rua milhões de desempregados e miseráveis. Gente que pode matar tanta gente com a corrupção infame, condenando outros milhares à morte, mereciam mesmo era pena de morte.

Não suportamos mais tanta roubalheira e desfaçatez. Não falam em reforma política. Para que tanto político com seus “aspones” ganhando tanto de um estado quebrado? Para que foro privilegiado para tantos malditos traidores do povo que como todos nós, de forma constitucional, deveriam responder a mesma lei comum?

Nossa indignação nos leva se Deus quiser às urnas, alternativa única a democrática maneira de salvar o país.

Depois disso só há sombra e escuridão.