Cuidados com as comidas típicas de Festa Junina

Por Leonardo Meneghetti

No mês de junho, iniciamos as comemorações das festas juninas. Os portugueses foram os responsáveis por trazer a festa junina ao Brasil durante o período colonial. Na mesma época, os índios, que habitavam as terras brasileiras, realizavam rituais para celebrar a agricultura.

Mas será que só devemos degustar as comidas juninas nessa época do ano? Ou será que elas são nutritivas para consumo durante o ano inteiro? São calóricas demais?

arte

PÍLULAS

Dicas                    

Consuma o milho verde assado ou cozido e economize o sal e a manteiga para não pesar na balança e no coração. Esqueça a versão industrializada da pipoca, repleta de sódio e gordura pouco saudáveis – esses nutrientes fazem a pressão decolar e a barriga crescer. Reduza o açúcar da receita de bolo de milho pela metade e dê preferência aos óleos vegetais. Quanto ao arroz doce e à canjica, tente não pesar a mão no açúcar e dispense o leite condensado dentro do possível. A bebida alcoólica também pode acabar sendo uma preocupação durante essas festas. Por isso, modere no quentão e no vinho!

Moderação              

O mais importante é saber a medida ideal do que você pode ingerir para evitar abusos. A boa notícia é que dá para aproveitar essas delícias sem sair do foco! Vários dos alimentos listados aqui, se consumidos com moderação, podem inclusive trazer diversos benefícios à saúde. Neste sábado, no programa “Fique Bem”, o assunto será comidas típicas de São João. Assista na TV Band, às 11h30, e siga o Instagram do programa (@fiquebemoficial) para ficar por dentro de tudo! Fique bem, cuide-se bem!

Contenido Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo